A turbulência severa no voo SQ321 de Londres para Singapura e a importância de sempre usar o cinto de segurança nos voos

Um avião comercial é um meio de transporte estatisticamente muito seguro, sendo muitos raros os acidentes e incidentes envolvendo voos, quando comparados com a quantidade total de voos que são realizados por dia em todo o mundo.

Porém, incidentes, como turbulências severas, podem ocorrer, como foi o caso do voo SQ321, da Singapore Airlines, que fazia a rota Londres-Singapura. Na altura da Tailândia, o avião sofreu uma severa turbulência, a ponto de ter que fazer uma aterrissagem de emergência em Bangkok.

O que é raro é a ocorrência de vítimas fatais num avião que sofre uma turbulência mas consegue pousar. E foi exatamente isso que ocorreu: um dos passageiros morreu, sendo que a suspeita é de ataque cardíaco.

Contudo, além da morte, mais de 40 passageiros precisaram ser internados, sendo que metade deles em UTI – e seis com lesões cerebrais e no crânio, de acordo com reportagem da Terra.

Ninguém está imune a sofrer acidentes quando entra em um avião para um voo comercial. Porém, é possível minimizar os riscos atando os cintos de segurança o máximo de tempo possível durante o voo.