“Só hoje” …. “Vai acabar”…. “Últimas horas” …. “Alerta máximo”…. e o aumento da ansiedade, combinado com a lenta destruição da saúde mental

Você já ficou ansioso com alguma promoção do mundo das milhas e pontos?

Fica ansioso acessando 386 vezes por dia seus grupos de Whats/Telegram com medo de perder aquela promoção imperdível?

A pergunta é: esse monte de promoções que terminam “hoje”, esse monte de grupos de promoções que te pressionam a ficar ligado toda hora que sai uma notificação de promoção imperdível…. tudo isso contribui para te deixar mais calmo, mais estável emocionalmente, mais sereno e mais tranquilo?

Aonde vamos parar? Será que a saúde da sua mente está sendo promovida e fortalecida, ou, ao contrário, está sendo dilacerada, toda vez que você se lamenta por ter perdido uma promoção do tipo “imperdível”?

Esse post (e na verdade, esse blog, bem como mais de 90% dos cultos leitores que mais escrevem nos comentários) é sobre reflexões. Sobre pensar. Sobre parar um pouco e indagar: pera aí, essa corrida frenética em querer saber de tudo antes de todos vai realmente trazer benefícios para mim, para minha saúde mental, para minhas emoções?

Ficar por dentro dos paranauês para resgatar uma passagem imperdível de Kuala Lampur para Taipei vai realmente, REALMENTE, tornar sua vida melhor?

Pare. Reflita.

Você precisa realmente disso tudo para ser feliz? Essa montanha de informação vai gerar foco e atenção, ou só vai gerar ainda mais distração, combinado com ansiedade, falta de foco, cansaço e estresse?

Como já dizia Tony Schwartz, excesso de informação gera pobreza de atenção.

O que fazer para viver uma vida com menos estresse mental no mundo das milhas e pontos?

Comece fazendo a dieta da informação. Selecione suas fontes de informação, e não perca tempo com promoções e notícias que têm influência zero em sua vida.

Livre-se do entulho mental proporcionado por 82 promoções de 10 pontos por real onde você, se tiver dado muita sorte, só conseguiu aproveitar uma nos últimos 3 anos.

Cancele notificações, livre-se de grupos disso, grupos daquilo.

O que é bom para o mercado, para as empresas, para os vendedores profissionais de milhas, pontos e ilusões, pode ser péssimo, aliás, pode ser horrível, para você e sua saúde mental.

Você pode viver muito bem, no mundo das milhas e pontos, adotando uma estratégia baseada em menos ansiedade, menos estresse, e mais foco e planejamento. Com muito menos pressa e muito menos pressões externas. 😉

E você, qual dica daria para diminuir (ou até mesmo eliminar) a ansiedade e o estresse no mundo das milhas e pontos?