Itaú Master Black The One: limite de R$ 60 mil no Black seria suficiente para o upgrade; LoungeKey não é gratuito para o convidado

Seguem novas informações sobre o cartão de crédito Itaú Master Black The One, oferecidas pelo Emmanuel Kalispera:

“Sobre o cartão The One Personnalité, falei com o meu gerente ontem e basta ter limite de 60 mil reais no Black que é possível migrar para o The One. Assim, parece que o Itaú não está criando dificuldades ou aquela famosa prática “somente por convite”.

Basta ter limite de 60 mil, pedir para o gerente e estar disposto a pagar a anuidade, ou seja, não é difícil de conseguir, já que limites altos no Black são comuns.

Outra coisa interessante que ele me disse é que o LK ilimitado é só para o titular e adicionais e tem zero convidados, hehe. Ou seja, é um verdadeiro Inter Black.

O Itaú já havia lançado um LK fake ilimitado uma vez em 2018, quando lançou o cartão Personnalite Latam Visa Infinite. Quando fui usar com um convidado, fui cobrado e aí descobri o “marketing” do ilimitado. Ou seja, além de todos os problemas que já foram mencionados no tópico desse cartão, ainda tem isso.

No fundo, me parece que é só uma forma de o Itaú aumentar o lucro sobre os clientes mais rentáveis do que realmente uma nova experiência”.

…………………..

Ou seja, mais um cartão pra inglês ver.