O rolo do acesso às salas VIP pelo Master Black do Inter: o ilimitado a “6 visitas por ano” + exigências burocráticas do cliente sob pena de cobrança de USD 32

Alerta de vários leitores: houve duas péssimas mudanças pra pior no acesso às salas VIP pelo Master Black do Inter:

  1. Limitação de seis visitas grátis por ano, para quem “comprou” o Master Black do Inter via compra de assinatura do Duo Gourmet (quem tem investimentos acima de R$ 250k continua com visitas ilimitadas);
  2. Exigência de preenchimento de formulário e foto de cartão de embarque, sob pena de cobrança de taxa de USD 32

Conclusão

Mudanças para pior e sem aviso prévio. Deveriam ao menos respeitar os contratos já firmados antes do dia 31 de agosto de 2022, e estabelecer que essas novas regras (limitação a seis visitas anuais, necessidade de formulário etc.) só valessem para novas contratações a partir de 1 de setembro de 2022.

Os leitores se posicionaram contra a mudança.

O Backpacker disse:

Banco Inter enfia Duo Gourmet em metade da população brasileira, dá cartão bréki com acesso a “V”ala VIP Ilimitado e envia memorando à Academia Brasileira de Letras para equiparar o conceito de ilimitado com o numeral 6, rsrs.

E o SwineOne:

Fica a dica para quem segue a cartilha dos cursos de milhas e abusa de benefícios como seguro de proteção de preço para ganhar pontos extras em lojas sabidamente mais caras e outros.

Quando a conta não fecha, o benefício tem que ser extinto, infelizmente no mundo real é assim que tem que funcionar e vai funcionar […]

E você, vai abandonar o Inter Black e buscar outras alternativas no mercado?