[Guest post] Informação importante sobre o cartão de crédito Itaucard Tudo Azul e a cobrança de anuidade.

Segue a novidade descoberta pelo Swine:

“Pessoal, uma informação que pode ser interessante sobre o cartão Itaucard TudoAzul e a cobrança de anuidade.

Quando pedi o Platinum no começo de 2020, a cada fatura em que gastava o valor necessário para isenção (R$ 4.000 para o Platinum), a anuidade era isentada naquele mês.

Agora em julho/2021, liguei para cancelar o cartão, pois o benefício do cartão seria zero pelo próximo ano: já sou Diamante na Azul (então de nada adiantaria o Safira concedido pelo cartão), e não usaria os 10% de desconto (pois já tinha garantido mais um ano de Clube com desconto, e não compro pontos e nem passagens pagantes).

No ato, a atendente ofereceu um downgrade para a versão internacional, a qual aceitei, em função do menor valor de anuidade, e também porque bastariam R$ 1.000/mês de gastos para isentar.

Fora isso, naquele momento negociei uma redução de 50% na anuidade, mas minha intenção era gastar os R$ 1.000 todo mês (mesmo gerando pouquíssimos pontos sobre esse valor) para zerar mesmo a anuidade.

Pois bem, minha fatura fechou hoje com o lançamento da parcela da anuidade, mas sem o desconto. Estranhei e liguei na central, e me passaram uma informação que estranhei, e depois fui ao site para confirmar. De fato, a mecânica é diferente do que imaginava:

Regras gerais

ANUIDADE GRÁTIS

Azul Itaucard Internacional

Se você já é cliente: a sua média de gastos dos últimos 12 meses deverá ser de R$ 1.000 em compras por fatura para sua anuidade ser grátis no próximo ciclo da anuidade! Se você é novo cliente: gastando R$ 1.000 em compras por fatura durante o ano você tem anuidade grátis! O valor da anuidade caso não atinja o gasto mensal por fatura é 12x R$ 27,00 (R$ 324,00) para Visa e Mastercard. Importante saber:  você deve atingir o gasto mensal desde a primeira fatura para garantir o benefício. Para compras parceladas, apenas a parcela lançada na fatura será considerada para compor seu gasto mensal. No gasto mensal não estão incluídos os pagamentos feitos a maior, juros, tarifas, parcela de produtos e serviços vinculados aos cartões, tais como crédito pessoal, saques, outros serviços disponíveis. Esta oportunidade poderá ser suspensa pelo emissor a qualquer momento, mediante aviso prévio.

Ou seja, se entendi corretamente, não tenho como fugir da cobrança da anuidade esse ano.

O que vai acontecer é que, se gastar R$ 1.000 todos os meses a partir de agora (pelo jeito não é média, tem que garantir esse valor todo mês), aí no ano que vem teria isenção.

Note que não sou considerado novo cliente, pois fiz um downgrade do platinum para o internacional.

Interessante é que a mecânica é a mesma para as versões gold e platinum (mas com opção de 50% de desconto se gastar metade do valor). Já para o Visa Infinite é da maneira que eu imaginava:

Azul Itaucard Visa Infinite

Para gastos a partir de R$ 20.000 por fatura: nos meses em que atingir este valor, a parcela da anuidade será grátis. Para gastos a partir de R$ 10.000: nos meses em que atingir este valor, você receberá uma redução de 50% no valor da parcela da anuidade, totalizando R$50,00. Para gastos inferiores a R$10.000 por fatura: a parcela da anuidade será cobrada integralmente, no valor de R$ 100,00. No gasto mensal não estão incluídos os pagamentos feitos a maior, juros, tarifas, parcela de produtos e serviços vinculados aos cartões, tais como crédito pessoal, saques, outros serviços disponíveis. Esta oportunidade poderá ser suspensa pelo emissor a qualquer momento, mediante aviso prévio.

Conclusão

Enfim, fica o alerta para quem pedir o cartão: garanta o gasto mínimo para isentar a anuidade todo mês, ou no ano que vem você não vai ter como fugir, só cancelando o cartão”.

…………………………

Nos comentários dos demais leitores que se seguiram ao comentário original do Swinelink aqui – diversos leitores deram contribuições adicionais para a questão da anuidade x benefícios do cartão.

Destaco aqui o comentário do Jorge Posada:

“De fato, o TudoAzul Visa Infinite é um bom cartão (por conta do Diamante), que se torna ótimo para quem atingir os 50k pontos.

Se vc é diamante e não vai atingir os 50k, faz pouco sentido mesmo – as únicas vantagens passam a ser os 10%, os benefícios de sala VIP para os adicionais e eventual bônus de solicitação (60-100k, dependendo da época).

Como eu sei que você gosta de achar soluções criativas (ainda que não faça sentido no seu caso concreto): é possível atingir os 50k gastando “apenas” R$ 3500/ano (considerando o dólar a R$5,5 e a taxa de juros para pagamento de boleto a 2,99%).

Considerando os benefícios: uma viagem ida e volta internacional (de acompanhante) para EUA, PT + uma viagem ida e volta nacional (de acompanhante) + dois trechos de upgrade para executiva + as 50k milhas geradas (que, pelo menos até o fim desse ano, tem acréscimo de 50% para quem é do clube), acho que pode valer a pena para muita gente. Obviamente, é preciso considerar também o custo de oportunidade (p.ex., gastar isso no PDA ou acumular isso no Livelo) – mas aí varia muito de pessoa para pessoa.

…………………………

Os cartões co-branded em geral são malquistos na comunidade milheira, mas o Tudo Azul Itaucard tem algumas particularidades que, a depender dos perfis de uso do viajante, pode se tornar uma grande ferramenta de aquisição de benefícios, a um custo proporcionalmente menor.

Você também tem um Tudo Azul Itaucard? Gosta dele? Que estratégias usa para minimizar os impactos da anuidade?