Sala VIP da Star Alliance no Aeroporto de Guarulhos é substituída pelo Espaço Banco Safra. Clientes Priority Pass continuam tendo acesso ao espaço; clientes LoungeKey não mais.

A sala VIP sob a denominação Star Alliance, na área internacional do Aeroporto de Guarulhos, saiu. O mesmo espaço passou a ser administrado pelo Banco Safra, desde sábado.

Segue o press release:

“O Banco Safra anuncia uma novidade para trazer mais conforto às viagens de seus clientes: o lançamento, a partir de 1.ª de maio, do Espaço Banco Safra. Esta é uma Sala VIP localizada no terminal 3 do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos.  

O Espaço Banco Safra, ambiente administrado pela GRU Airport, foi pensado para oferecer uma série de benefícios que tornam a espera pelo embarque mais agradável. Os clientes terão acesso a um buffet completo, estrutura com Wi-Fi, TV a cabo, banheiros e chuveiros privativos que seguem as mais rigorosas normas e medidas sanitárias indicadas pelo órgão fiscalizador.  

Podem acessar o lounge os portadores do cartão Visa Infinite Safra e os passageiros das companhias aéreas que atualmente utilizam esse espaço. O acesso é gratuito e o cliente pode estender toda a experiência do novo espaço para um acompanhante, também sem custo adicional. Poderão acessar também passageiros que fizerem operações de câmbio equivalente ao valor de US$ 1,5 mil de qualquer moeda estrangeira nos postos de câmbio Safra do aeroporto.  

O Banco Safra entende que, neste momento, a pandemia provocada pela Covid-19 demanda uma série de cuidados adicionais para uma viagem com segurança. Por isso, durante essa fase ainda muito sensível, o Espaço Banco Safra irá funcionar de 11 horas da manhã até 3 horas da manhã do dia seguinte e contará com ocupação reduzida.  

Como forma de oferecer bem-estar e segurança aos viajantes durante este momento de pandemia, a GRU Airport implantou diversas medidas preventivas, conforme orientações da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), para conscientizar e prevenir a transmissão de covid-19 no aeroporto. Entre as ações adotadas, cabe destacar as sinalizações indicando as regras de distanciamento social e uso de máscaras faciais, instalação de mais de 300 dispensers de álcool gel em pontos de maior circulação de pessoas, possibilidade de consultar o painel de voos por meio de QR Code para evitar aglomerações nas áreas próximas às telas informativas e, como medida adicional às recomendadas pelo órgão oficial, aferição de temperatura nos controles de acesso aos embarques”.

…………………………..

Complementando essas informações com as que constam do site oficial da GRU Airport, temos o seguinte cenário:

“Lounge acessível a  clientes Banco Safra Visa Infinite e passageiros viajando de primeira classe ou executiva, ou que possuam cartão Gold das companhias aéreas TAP, Lufthansa, Swiss, Turkish Airlines, Ethiopian Airlines, United Airlines, Copa Airlines e Air Canada. Clientes dos programas Lounge Club, Lounge Pass e Priority Pass também têm acesso ao lounge.”

Observem que houve exclusão dos titulares do LoungeKey, o que exclui praticamente todos os que têm cartão de crédito brasileiro associados ao programa.

Acessos avulsos:

Day Pass – Aquisição na entrada:

*US$ 40 para períodos mais longos

*US$ 30 para o período de 2 horas

*Crianças de 2 a 12 anos pagam a metade da tarifa

*Condições especiais para agências de viagens: US$ 25

……………………………

Resta saber se os serviços continuarão tendo o mesmo padrão de qualidade de antes, bem como os horários de acesso disponíveis para os que tiverem o cartão Priority Pass.

Pelo menos não houve fechamento do espaço – apenas troca de direção.

Num cenário doméstico marcado por muitas perdas, suspensões (salas VIP Smiles domésticas ainda não voltaram), fechamentos de parcerias (Plaza Premium doméstica no Galeão RJ não é acessível mais para portadores do LoungeKey), a manutenção de uma sala VIP ainda é um alívio, ainda mais considerando o cenário atual, marcado por fechamento de fronteiras de vários países e, portanto, escassez de possibilidades de viagens.