O pessoal que vende milhas para as empresas do ramo (MaxMilhas, HotMilhas, EloMilhas etc.) est? conseguindo receber os pagamentos em dia?

Sinal de alerta acendido para todos aqueles que vendem milhas para os sites que comercializam os pontos, especialmente para aqueles que lidam com o HotMilhas: o leitor Jos? Tarsia relatou atraso no pagamento.

Segue o relato:

“Boa tarde

Sou leitor do site h? um bom tempo e acompanho v?rias not?cias diariamente, almejando viajar sempre mais, aproveitando as diversas dicas.

Considero o blog um dos mais completos do Brasil, levando a uma grande penetr?ncia na vida dos viajantes e um poder de influ?ncia muito grande.

O intuito de escrever para voc?s, ? acender uma luz amarela em rela??o ao site Hotmilhas que constantemente compram minhas milhas excedentes das promo??es ou quando est?o expirando.

Esse site nunca atrasou sequer um dia o pagamento na minha conta e s?o bem precisos e respons?veis com as datas.

Na ?ltima sexta-feira, eu esperava um dep?sito de R$ 4.080,00 referente a 170.000 pontos Smiles comercializados, o que n?o aconteceu.

Achei estranho e comecei imaginar o momento que estamos passando e a dificuldade da empresa frente o cen?rio atual.

Abri uma chamada e disseram que o setor financeiro iria entrar em contato comigo hoje.

N?o entraram at? agora a noite e entrei em contato novamente e me pediram mais de 48h (via chat) pois o telefone n?o funciona mais por motivo de for?a maior segundo eles.

O site continua comercializando milhas, comprando pelo HotMilhas e vendendo pelo 123 Milhas.

Hoje cedo, observei mais de 150 novas reclama??es no site?reclameaqui.com.br

Acredito que seria interessante se pudessem de certa forma, fazer uma pequena investiga??o e caso haja algo errado, informar seus leitores do problema.

Obrigado mais uma vez pela aten??o e parab?ns pelo trabalho.

Jos? Luiz“.

…………………………….

Conclus?o

O colapso da ind?stria da avia??o varrer? do mapa como um tsunami uma enormidade de empresas, empregos e rela??es comerciais.

A dimens?o exata da crise ainda n?o sabemos, nem sabemos se j? chegamos no olho do furac?o, ou, pior, se coisa mais ruim ainda vir? pela frente.

As empresas de milhas constitu?am um com?rcio forte e fonte de sobreviv?ncia para muitas pessoas no Brasil, que tinham nela a principal fonte de renda.

Por?m, com a crise se agravando a cada semana que passa, e com a dr?stica diminui??o na malha a?rea (mais de 90%, como eu, ali?s, havia previsto), infelizmente muitas empresas do ramo do turismo e das milhas e pontos ir?o falir e encerrar as atividades.

Al?m da HotMilhas, que aparenta estar com dificuldades, mais algu?m est? com problema de receber pagamentos de outras empresas do ramo, como MaxMilhas, EloMilhas, ComproMilhas etc.?