[Guest post] O que pode estar por trás das promoções de venda de pontos (por Smiles, Tudo Azul etc.) nesse final de ano?

A propósito do post de sexta-feira (link), segue a opinião do leitor Rodrigo Resende (obrigado!):

“Eu tenho visto com muito comedimento estas promoções de vendas de pontos.

Sei que para muitos pode ser um bom negócio, principalmente no mês da Black Friday, que gera muita expectativa entre os clientes.

Vendo um pouco além deste ponto, entretanto, o que me parece é que as empresas estão querendo fechar um balanço positivo o quanto antes.

Não por acaso, três dias antes, eu recebi aqueles “presentes” do Smiles: códigos oferecendo desconto de 80% num pacote de milhas.

O que me espantou dessa vez foi a possibilidade de comprar 100.000 (isso mesmo: cem mil) milhas Smiles por R$ 1.400,00.

Até achei tentador, mas, antes de fechar a compra, fui simular a emissão do meu bilhete que estou namorando pra julho/23 (SSA=>GYN) e vi que, instantaneamente, o bilhete que custava 25.000 pontos três dias antes já havia passado para 45.000 e ontem já estava a 52.000 pontos.

Nem na Argentina teria uma inflação tão brusca!!!

Desisti de imediato da compra dos pontos no Smiles, pois não quero ser um trouxa.

E tenho receio de que comprar na Azul resulte o mesmo.

Conclusão

Enfim, pro meu perfil de viagens, só recomendo compra de pontos para emissão IMEDIATA.

Do contrário, o risco de desvalorização dos pontos é enorme”.

…………………………….

De fato, final do ano chegando, as empresas precisando fechar o balanço no positivo…..as promoções de compras de pontos tendem a se tornar mais frequentes.

E você, o que pensa a respeito?

Tagged as: