[Guest post] Smiles liberou a emissão de passagens para a Argentina. Motivo para ficar animado?

Vale a pena viajar a qualquer custo, para qualquer lugar ou país que tenha liberado o turismo?

Você viajaria para um destino onde os casos de coronavírus continuam em alta?

Seguem reflexões do leitor Henry (a quem agradeço, e também ao neolight pela sugestão da publicação na forma de post) sobre a recente liberação de passagens para a Argentina:

…………….

“Eu gosto muito de Buenos Aires… e mais ainda da relação custo x benefício que era fazer turismo por lá… mas, desde há uns 3 anos atrás, que eles passaram a cobrar aquela taxa extorsiva de Ezeiza, eu me recusei a ir até lá….. confesso que, algumas vezes fiquei tentado a flexibilizar essa minha posição, mas não dá pra fazer isso..

Putz.. as cias. aéreas, reconheçamos, se matam/digladiam pra conseguir tirar um lucro (isso quando não fecham no vermelho) e nos cobram uma tarifa aérea cada vez com valores menores (pelo menos onde se tem concorrência de cias. aéreas de vários países)…

Aí, vêm governos e/ou empresas que exploram os aeroportos, e querem cobrar taxas estratosféricas… como essa de Ezeiza e aquela obscena da LHR (Ok…. o chá da madam é caro.. mas, será que sua majestade fica 24 horas/dia com chá sendo injetado na veia ???)

Então.. não tem conversa.. não viajo.. é uma andorinha.. não faz verão, mas, graças a Deus – arquiteto do mundo, temos outras opções…

Desde que começou a pandamia, a Argentina tomou a decisão de se trancar para mundo, para não “receber” vírus de outros países…

Não tem o que questionar na decisão deles: os países têm, cada um, direito à sua soberania, até porque as consequências dessas decisões serão experimentadas por eles…… além disso, fizeram um lockdown, à la Tabajara, que, pelo visto, não deu certo…. (quando vejo que o Uruguai, vizinho de porteira na América do Sul fechou apenas as escolas e adotou medidas sanitárias protetoras e que isso deu certo, com o país tendo um dos melhores resultados no enfrentamento a pandamia, fico com sérias dúvidas sobre o velho ditado: … “penso, logo existo”… não.. eu não serei negacionista em relação aos argentinos.. eles existem…. mas, será que pensam ??? rsrs)

Então, com as medidas de enfrentamento ao vírus adotadas pela Argentina indo pro ralo, o país mostra agora números e curvas assustadores em relação ao COVID-19..

Por outro lado, o Brasil, em que pese toda a utilização política das maneiras que os governos federal, estaduais e municipais devem/deveriam enfrentar a pandamia, começa a apresentar números, principal e especialmente, no número de mortos, que apresentam uma tendência de melhora… o que não é novidade… pois estamos saindo do inverno… chegamos a um número assustador de mortos… não tenho a menor dúvida de que, dos 160.000 mortos atribuídos à pandamia, pelo menos 50% são atribuídos a pessoas que fatalmente iriam levar a óbito.. mas, não importa.. uma vida que seja, é dolorosa… eu tive o desprazer de ir a um enterro de um parente distante, cujo filho com 23 anos, faleceu das complicações provocadas pela COVID-19… ver uma família chorando um filho tão novo e com tanta vida pela frente, é arrasador… um filho é um filho.. sua perda é irreparável para os pais e irmãos…seja por COVID-19, seja por qual motivo for…

Enfim… o Brasil, começa a trilhar um caminho de conseguir salvar as pessoas que contraiam a doença, mas não nos enganemos: as pessoas que têm comorbidades, e, veja que muitas delas talvez nem saibam que as têm, ficam muito expostas a uma contaminação tão séria, quando é esta decorrente da pandamia..

Ao contrário do que afirma o Primeiro Negacionista do país, não é uma gripezinha… é algo sério, que pode matar..

Agora, veja hoje os números da Argentina:
População: 45 milhôes.
Número de mortos pela COVID-19: 30.159..
Número de mortos por milhão de pessoas: 670…

Veja o número do Brasil:
População: 211 milhões.
Número de mortos pela COVID-19: 158.530
Número de mortos pela COVID-19: 751..

Henry... todo esse blá.. blá… blá, e no final a Argentina está melhor que gente!!!!!!!!!

Não gafanhoto apressado…

O Brasil está com a curva de mortos em declínio… ao final de julho, nossa média de mortos por dia, era de 1.200 pessoas.. hoje, está em 450 e essa média móvel está em queda… se continuarmos fazendo o dever de casa, a curva vai descendo…

Já na Argentina, eles não estão conseguindo reverter as mortes..e a sua curva de mortos está em franca ascensão talvez porque estejam com enfrentamento aos infectados com viés político, não adotando certas práticas que os corajosos médicos brasileiros adotaram.. de adotar o tratamento precoce, combatendo desde o início e utilizando os medicamentos disponíveis no momento… é certo que, infelizmente, não estamos AINDA, salvando 100% das pessoas, mas os números mostram que estamos caminhando… enquanto não chega uma vacina que seja fabricada com a observação de todos os parâmetros científicos e de transparência nas informações..

Veja abaixo um gráfico que o Maslow postou:

O Henry elaborou uma planilha:

Conclusão

Com tudo isso, eu pergunto: #PARTIU_ARGENTINA???? #PARTIU_SIGA_LA_VACA??? (churrasquinho de carne de gato ali da esquina tb é gostoso… rsrs)

Detalhe: além da taxa extorsiva de EZE (todo desembarque/embarque tem que ser por lá), você ainda terá que fazer um teste de PCR… (parece que custa uns R$ 250,00)…”

…………………………………………………

Evitem aumentar a exposição a contágio de forma desnecessária.

Mais cedo ou mais tarde virá uma vacina eficaz, e as coisas voltarão ao normal. Mas não tome atitudes precipitadas, querendo viajar a qualquer custo, pois o custo no final das contas pode ser muito alto – e às vezes irreversível….