Lançado o (caríssimo) Clube Esfera, com mensalidades de R$ 27,90 a R$ 989,90. Parceria com o Iberia Plus na paridade 1:1 continuará até quando?

Alerta do leitor SwineOne: como já prevíamos há muito tempo, foi lançado o Clube Esfera. As mensalidades vão de R$ 27,90 – onde, pasmem, você acumula só 200 pontos mensais – até R$ 989,90, para o plano de 20 mil pontos:

O “diferencial” seria a possibilidade de acumular 2x, 5x ou até 10x mais pontos em algumas lojas parceiras, como Centauro, iFood e Magalu, à escolha do cliente, o que obviamente, faz o custo financeiro mensal do plano subir. Além disso, há um teto de pontos que se pode acumular com esses multiplicadores.

Veja um exemplo abaixo:

Cara, pagar R$ 62 pra ganhar mil pontos? É isso mesmo, produção?

Primeiras impressões

Conhecendo – como eu e boa parte dos excelentes leitores que comentam por aqui conhecem – o universo das milhas e pontos no Brasil, a principal indagação que fica no ar é: até quando o Santander sustentará a parceria com o Iberia Plus na paridade 1:1?

Sim, porque no plano 20 mil é possível em tese comprar lotes de 10 mil Avios Iberia Plus por R$ 420, um valor bem abaixo do que a própria Iberia Plus costuma oferecer a seus clientes nas promoções de vendas de Avios lá na Europa.

Como bem disse o Swine:

Torno a insistir, até quando conseguiremos manter a paridade de 1:1 com o Iberia Plus? Não acho que vão Tudoazular tão rápido para não queimar o novo Clube, mas deixa atingir a meta interna de inscrições para ver o que acontece.

De resto, o valor das mensalidades está CARÍSSIMO, pois o ponto Santander Esfera está sendo adquirido nesses planos, na melhor das hipóteses, ao redor de R$ 0,042, o que, transferido para o, digamos, Smiles, numa promoção com 100% de bônus, redundaria num valor de R$ 0,021, mais caro que o próprio Smiles vende em certas promoções.

Tem outro ponto negativo aí: o Santander Esfera é, de longe, o programa que menos participa de promoções de bônus de transferências, ao contrário do, por exemplo, Livelo, que também tem um clube (mais barato, diga-se de passagem), mas que toda semana participa de alguma promoção com bônus. Tem que ser analisado isso também.

Meu recado final é: cuidado com esses novos planos. Tenham uma visão crítica e independente sobre o que é comercializado. Analisem os prós e contras, e tomem decisões conscientes sobre suas escolhas de consumo, ainda mais nesse contexto de crise econômica onde é preciso diminuir gastos fixos, e onde as condições de viagens ainda não estão totalmente recuperadas.

O meu maior receio é esse clube provocar um encerramento da parceria do com o Iberia Plus, ou, no mínimo, piorarem as taxas de transferência, com o fim da paridade 1:1, que é, de longe, o maior atrativo do Santander Esfera – além de ser o motivo principal de muitos leitores ainda manterem uma conta e/ou cartão lá.

E você, o que achou desse Clube Santander Esfera?