O Itaú substitui o programa Sempre Presente pelo iupp: possível concorrente para o Livelo?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

O Itaú resolveu reformular seu programa de recompensas dos cartões de crédito.

Sai o Sempre Presente; entra o iupp.

Pelas características apresentadas até aqui, ele vai competir diretamente com a Livelo:

Observem que não é preciso necessariamente ter um cartão Itaucard para acumular pontos no iupp – igual ao Livelo, onde você não precisa ter cartão de crédito do BB ou do Bradesco para acumular pontos no Livelo.

Igualmente, será possível acumular pontos no shopping online ou na loja própria, tal qual no Livelo.

Porém, até agora, diferentemente do Livelo, não foi lançado ainda o Clube iupp (e alguém aí duvida que eles não irão lançar um clube pra chamar de seu mais pra frente!?), embora estejam disponíveis venda de pontos por R$ 400 o bloco de 10 mil pontos.

Conclusão

Lançado com alguma pompa e circunstância, resta saber se esse programa vai ter musculatura suficiente pra bater de frente com a Livelo, que reina soberana e praticamente sozinha na liderança dos programas de pontos de cartões de crédito, com uma forte carteira de clientes assinantes dos clubes, e com as dezenas e às vezes centenas de promoções de acúmulo de pontos que lançam por semana e por mês.

Já que o Santander ficou pra trás, com o Esfera nunca apresentando novidades significativas (pelo contrário, esse programa está cada vez pior), resta a esperança de que o iupp possa fazer alguma concorrência com o Livelo.

Vale lembrar que os grandes bancos de varejo (BB, Bradesco, Itaú etc.) estão sofrendo concorrências em várias frentes, de um lado as corretoras e bancos de investimentos (XP, BTG, Sofisa, Easynvest, Modal etc.) tentando tirar as aplicações; de outro lado, os bancos digitais (Inter, BS2, Nubank etc) oferecendo serviços gratuitos e fazendo os clientes abandonarem as contas-correntes dos bancões.

Então esses programas de pontos não deixam de ser uma forma de os bancos capitalizarem uma parcela desse vasto mercado de milhas e pontos, que vale bilhões de reais.

Meu receio é haver uma nova inflação dos pontos  longo prazo, elevando os custos dos resgates de passagens para valores ainda maiores do que os atuais patamares, e tornando menos atrativa a manutenção de contas de milhagens e pontos, tal qual já ocorre hoje com alguns programas de milhagens, como o quase falido Latam Pass.

E você, o que achou disso tudo? 

Tagged as:
  • Nuno

    Mais concorrência costuma ser bom! mas nem sempre as leis da natureza se aplicam aos programas de milhas brasileiros)
    Mas por enquanto não consigo acessar a compra de pontos. E o site ainda tem MUITO para corrigir: instável, lento, poucas opções, confuso… Muito texto e imagens para conpensar a falta de funcionalidades que ainda tem.

  • neolight

    Eu acho que pode vir a ser uma boa: de largada sem descontos, a venda de pontos é mais barata que a do Livelo. Mas ainda é chinfrim pela falta de parceiros aéreos: o leque é aquele feijão-com-arroz que qualquer banco tem, composto de LATAM, Gol, Azul e Tap Portugal. Nisso fica comendo poeira atrás do Livelo.

    • SirNiXXon

      Pois é, esse quartetinho de programas parceiros aí foi bem desapontador.

  • Bohdan14

    Pessoal, uma pergunta fora do assunto.
    Alguma sugestão de como comprar um iPhone aqui no Brasil gastando menos ou acumulando mais pontos?
    Moro em Sampa, mas ainda uso um ddd 21 da Vivo. Pretendo passar a usar um 011 , menso que seja só para fins profissionais, em breve.
    Acúmulo pontos normalmente na Livelo e na Smiles.

    • SwineOne

      Comprei um iPhone 11 128 GB de presente para minha esposa no final de março numa promoção que dava 5 pontos Livelo/R$ gasto, e paguei R$ 4.089 nele, com frete. Precificando os pontos Livelo a preço de Clube 20.000 antigo, seriam pouco mais de R$ 650 de desconto no preço do celular, ou seja uns R$ 3.400. Considerando que era o iPhone mais recentemente lançado e de 128 GB, assim como a cotação do dólar naquele momento (como agora), poderia ser BEM mais caro.

      • Bohdan14

        Obrigado pela sugestão! Você realmente fez um bom negócio. Vou avaliar a questão dos pontos ou se dá para conseguir algum desconto com a operadora.

        • Guilherme

          Bohdan, sua dúvida vai virar post! Acho que assim mais leitores terão oportunidade de ajudá-lo!

          • Bohdan14

            Muito obrigado!!!

  • Henrique P. P.

    Em tese a concorrência sempre é positiva para nós consumidores. Agora vamos esperar para ver se esse novo programa poderá, realmente, bater de frente com a Livelo. Os próximos passos já nos mostrarão isso, notadamente em relação ao acúmulo com compras bonificadas, ao preço exigido para a compra de pontos, ao leque de opções de cias e lojas parceiras, e, sobretudo, a um clube de pontos.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×