Latam cobrar? at? R$ 220 para resgatar passagens com pontos Latam Pass!

Aten??o para quem pretende resgatar passagens com pontos Latam Fidelidade: a partir de 1? de julho de 2020, poder? haver cobran?a de uma tarifa para resgate de pontos, a depender da dist?ncia temporal entre o dia do resgate dos pontos e o dia da viagem.

Est? no site oficial:

A partir de 1? de julho de 2020, dependendo da anteced?ncia e do destino, alguns resgates de passagens a?reas ter?o uma cobran?a em dinheiro por emiss?o.

? importante que voc? conhe?a as regras dessa cobran?a:

  • S? ser? aplicado em passagens a?reas 100% resgatadas com pontos;
  • A taxa ser? aplicada em todos os canais que realizam resgate de pontos LATAM Pass (latampass.com, latam.com, call center e lojas LATAM Travel) e dever? ser paga no momento do resgate*;
  • Essa taxa ser? aplicada somente quando o resgate acontecer com menos de 90 dias de anteced?ncia da data da viagem para voos nacionais e com menos de 120 dias de anteced?ncia para voos internacionais;
  • O valor da taxa de resgate poder? variar de acordo com o destino.

Voc? ser? informado sobre os valores das taxas previamente ? finaliza??o da transa??o.


* Os pontos n?o poder?o ser utilizados para pagamento de taxas, impostos e/ou servi?os adicionais.

Exemplos

Uma passagem dom?stica ida e volta CGH-SDU-CGH para voar daqui a 20 dias (a partir de julho, claro, que ? quando se inicia a cobran?a): R$ 34 de tarifa de emiss?o de resgate;

Uma passagem emitida com pontos em 4 de agosto para voar em 6 de outubro, no trecho GIG-MIA-GIG (em homenagem ao Dr. Henry.…rs): R$ 220,92 a t?tulo de taxa de resgate.

E tudo isso sem contar as taxas de embarque, taxa de marca??o de assento, taxa para despacho de mala, taxa para….

Conclus?o

O objetivo ? n?tido: inibir os concorrentes MaxMilhas, EloMilhas, HotMilhas etc., tornando essas emiss?es mais caras.

Por?m, a Latam Pass deveria adotar uma medida menos dr?stica, pois, do jeito que foi implantada, vai prejudicar at? o cliente que emite passagens pra si pr?prio, sem qualquer prop?sito ou vi?s comercial.

Talvez uma solu??o intermedi?ria, mas ainda assim ruim, seria limitar as emiss?es para at? 5 pessoas diferentes, cadastradas previamente, tal qual o Tudo Azul – para essas pessoas n?o haveria a tarifa de cobran?a; e para as demais pessoas que viajarem com os pontos, cobrar a taxa.

Enfim, mais um bola fora do Latam Fidelidade, pois aumenta os custos para viajar justamente numa ?poca em que as pessoas mais precisam economizar dinheiro. Mais um motivo, portanto, pra ficar bem longe desse programa de milhagens – Latam Pass…

Tagged as: