Luís Nassif: o risco Latam sobre o qual a ANAC precisa prestar atenção – terceirização de todos os serviços de manutenção mecânica

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

O leitor Franco Danilo me enviou um link para uma matéria do Luís Nassif, comentando sobre a já propalada deterioração da Latam.

Que a deterioração já esteja ocorrendo em serviços e tratamento aos clientes, isso não é novidade.

O problema é mais grave, e diz respeito à manutenção de sua frota de aviões. Ele diz (sem destaque no original):

A empresa passou a terceirizar todos os serviços de manutenção mecânica, peça chave em qualquer empresa de aviação do planeta. Está perdendo o controle sobre um aspecto que envolve a segurança dos aviões e dos passageiros”.

A Latam enviou uma nota de esclarecimento sobre a notícia, e aparentemente não nega a terceirização da manutenção, ao afirmar:

“É válido ressaltar que temos como compromisso oferecer uma experiência de voo com qualidade e com segurança operacional, uma premissa da LATAM. Por isso, estamos permanentemente avaliando alternativas para o desenvolvimento do transporte aéreo, e demos início a uma série de avanços aos passageiros.”

E em seguida fala do… retrofit. Mas não fala da terceirização da manutenção.

Conclusão

Isso é preocupante, hein!? Aonde isso vai parar?

Agradeço ao Franco pelo envio da notícia!

EDITADO: a Latam se pronunciou sobre a notícia, numa nota oficial enviada ao blog:

“Sobre o artigo publicado ontem (29) no portal Jornal GGN (https://jornalggn.com.br/analise/a-anac-precisa-acordar-para-o-risco-latam-por-luis-nassif/), a LATAM esclarece que os questionamentos a respeito dos serviços prestados e da manutenção realizada em suas aeronaves não refletem a realidade da companhia.

A LATAM Airlines Brasil reforça o seu compromisso em oferecer uma experiência de voo com qualidade e com segurança operacional, uma premissa do Grupo LATAM. Por isso, está permanentemente avaliando alternativas para o desenvolvimento do transporte aéreo e deu início a uma série de avanços aos passageiros.

Uma das principais ações para este ano é o processo de retrofit nos aviões. Em breve, todos os clientes poderão experimentar as novas cabines das aeronaves de rotas domésticas e internacionais, que estão sendo remodeladas em um projeto com o maior investimento da história da empresa (cerca de US$ 400 milhões).

Além disso, a companhia investe constantemente em manutenção. Só em 2019, por exemplo, a empresa está injetando R$ 130 milhões na construção de um Centro de Manutenção em Linha em Guarulhos, o maior e mais moderno do país, para atender com mais rapidez e eficiência a manutenção de seus aviões.

É válido ressaltar que as equipes de mecânicos passam por constantes treinamentos e capacitações. Atualmente, 100% das equipes dedicadas à manutenção dos aviões são funcionários da LATAM Airlines Brasil. Só no Centro de Manutenção (MRO) em São Carlos – certificado internacionalmente para a realização de manutenções de grande porte – são 1.200 funcionários dedicados, isso sem citar as equipes espalhadas pelas mais de 30 bases pelo país onde opera.

A LATAM conta sim com equipes de empresas parceiras em outras áreas do negócio, como nos serviços de rampa e limpeza, porém, sem nenhum impacto no padrão de serviço oferecido ao cliente, muito menos nos standards de segurança.

A companhia segue os mais elevados padrões de segurança do mundo, atendendo rigorosamente aos regulamentos da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e das demais autoridades internacionais, como a FAA – Federal Aviation Administration (autoridade aeronáutica americana) e a EASA – European Aviation Safety Agency (autoridade aeronáutica da Comunidade Europeia). A companhia também tem diversas certificações internacionais de segurança, incluindo a IOSA (IATA Operational Safety Audit), atestado internacional mais completo e aceito em segurança operacional para companhias aéreas.

A LATAM também é membro da IATA (sigla em inglês da Associação Internacional de Transporte Aéreo), participa ativamente do Comitê de Segurança de Voo Regional (RCG) e é membro da Flight Safety Foundation (a maior organização não-governamental de segurança de voo) e do Comitê de Segurança de Voo das companhias aéreas brasileiras.”

Tagged as: ,
  • PauloHCM

    Não vejo com preocupação, afinal já não e novidade a terceirização da manutenção, que pode sim ter impactos benéficos para todos. O próprio centro de manutenção de São Carlos, que e da Latam, faz manutenção em aeronaves de outras empresas.

    Como os aviões se resumem a Airbus e Boeing, manter um peça sobressalente que custe 200.000 dólares e cara para uma empresa aérea, mas se for para uma que faca apenas manutenção fica mais baratas, pois pode desovar mais rapidamente para qualquer cliente.

    Basta atualizar as supervisões para os centros terceiras os de manutenção

  • Ítalo Alencar

    Tragédia anunciada!

  • Ricks007

    Terceirização nunca vi com bons olhos, opinião pessoal. E quando tiver algum problema ou acidente, torço para que isso não ocorra, vai-se terceirizar a responsabilidade também?

    • Henry

      Ricks007…
      A Varig já teve centro de manutenção de ponta e prestava serviços a outras empresas…. ainda que não com esse nome, isso era um serviço terceirizado….e não existia risco algum para os passageiros das outras empresas..
      A Delta usa muito terceirização de manutenção… me parece no México.. e não teve problemas até o momento…
      Mas.. espero que nós não descubramos da maneira mais triste possível que essas empresas que prestam serviços de manutenção, não tem qualidade…

  • Observando Fato

    Guilherme,
    A origem desta noticia esta numa decisáo do STF que a partir de entáo permitiu que empresas possam terceirizar todos os seus empregados e servicos quer da atividade fim quer da atividade meio.
    Toda a esquerda demagoga critica violentamente a terceirizacao achando que o Brasil continuara na idade media. Sáo pelegos e mais pelegos a gritar! A direita opressora quer tirar mais e mais garantias do trabalhador, etc, etc.
    O governo por outro lado vive uma fantasia que nunca enxuga nada , nunca tem crise e cobra cada vez mais impostos em valores muito distantes dos paises desenvolvidos.
    Essa conta náo fecha! O Brasil precisa acabar com esse sindicalismo de pelegos e chantagistas, o empresario precisa entender que o trabalhador deve ter seu reconhecimento com salario tambem alem de outras eventuais garantias e o governo deve diminuir impostos sobre a folha , as empresas e os empregados, com reducao significativa nos niveis de corrupcao.
    Isto demorara algum tempo e sera acelerado a medida que o Brasil for se distanciando cada vez mais da geracao de riquezas para seu povo e o mesmo tiver maior dicernimento com educacao , o que convenhamos com um Velez estaremos muito, muito distantes.
    A noticia consiste em MERO PALPITE do jornalista, pois supoe ruim. Porem, nesse caso especifico nao me parece razoavel supor que nao tenham tido precaucao numa terceirizado de area tao vital que pode inclusive abalar a imagem da empresa em definitivo.
    Eu nao voo LATAM, mas especificamente por essa noticia ficaria tranquilo.

    sds,
    Celso.

    • Guilherme

      Grato, Celso, pelos esclarecimentos. Inclusive, adicionei ao texto a nota oficial enviada pela Latam, mais completa do que a enviada ao referido site.

    • Henry

      A terceirização em si pode ou não ser ruim…pode ou não ser boa…..
      Quando a VARIG era uma potência, ela tinha centro próprio de manutenção com excelente qualidade e que prestava serviços à diversas empresas… eu pergunto: esta terceirização colocava em risco essas empresas que usavam os serviços da VARIG ??? Não, né ??? A GOL tem um bom centro de manutenção e me parece que presta serviços a terceiros….
      Agora, se uma empresa terceiriza um serviço vital para a segurança do voo com uma empresa que não tenha qualidade, aí, a coisa realmente complica…
      Agora.. o que não dá é para um jornalista do naipe do Luis Nassif vir falar alguma coisa que seja sem ter um mínimo de provas..
      Durantes os anos de 2002 até 2016, ele teve uma cegueira seletiva a tudo o que ocorreu no país… não via nada, exceto os “paitrocínios” de verbas públicas…
      Uma vez que ele adentrou no deserto das verbas públicas, parece que começou a ver “miragens seletivas”…
      Aqueles que se calaram ou foram cúmplices com as patifarias dos últimos 15 anos, deveriam enfiar a viola no saco.. não tem credibilidade para se acharem paladinos da verdade…. e dos fatos…
      Como agora o cara não tem mais palanque, desanda a falar besteira, pra chamar a atenção..
      QQ pessoa pode denunciar coisas erradas no país.. mas aqueles que foram cúmplices, e se beneficiaram do esquema, que reconhecem sua parcela de culpa na herança maldita…

      Celso…
      O MEC está ferrado e mal pago… o Bolsonaro errou feio colocando um canibal pra gerir a pasta…
      Além do mais, coloca um canibal estrangeiro… bola fora….

      • Observando Fato

        Henry,
        Tinha assinatura da Folha de Sao Paulo, cancelei.
        Tinha email do UOL, cancelei,
        Quando ouco que ira falar Kennedy Alencar troco de estacao,
        Luis Nassif tambem troco de estacao,
        Pele, imediatamente troco de estacao.
        Carlos Marun troco de estacao,
        Romero Juca, Renan Calheiros, Humberto Costa, Lindenberg Farias, esse imbecil do Cunha, Aecio Neves, Jose Serra, Marconi Perilo,……… ai a coisa muda! TROCO A ESTACAO ! Deu espaco para essa gente nao assisto mais.
        Diante disso fico limitado a assistir National Geografic, CNN World News e por ai vai………….
        Bolsonaro nao esta indo bem, perdendo tempo com bobagem, sem focar na URGENTISSIMA reforma da Previdencia, no Projeto ante crime de Moro e esclarecendo de uma vez por todas e com a VERDADE a historia desse Queiroz doa a que doer. SE o filho errou tambem tem que ser igualmente sentenciado como qualquer outro.
        MUDA BRASIL!
        sds

  • Pra mim, me parece apenas mais uma medida típica “Olavista”… Eu particularmente não vejo problema afinal, o livre mercado é a solução para tudo, de acordo com eles! Aliás, falando nisso, ainda estou esperando o dollar despencar tal como “garantido” há algum tempo à luz da nova vertente “Olavista” na nação. Preciso desesperadamente de dólares baratos para ir me divertir Las Vegas! Se não, vou pra Punta del Leste mesmo! 😏😏😏

    • Guilherme

      Bem-vindo de volta, amigo! 😀

    • Anderson Cunha

      Acredito que você entendeu o viés político do pessoal aqui né?

      • Passados dois meses, estou precisando de atualização. Como andam os ânimos por aqui?!?

  • Sílvio Carneiro

    A Latão de Lixo tirou praticamente todos os voos saindo do Rio. Agora tenho mais um motivo para que eu não embarque nessa porcaria de companhia.

  • Cristiano Andrade

    Muita gente já comentando… serviço horrível a parte (desde check-in, central de atendimento, tripulação etc), eficiência operacional terrível (maior índice de atrasos no BR), é um mero chute a questão da manutenção. Se houver dados de paradas de manutenção obrigatórias estão sendo dispensadas, que estão usando peças de segunda mão (que aliás é bastante comum e seguro), que estão autorizando aviões a seguir rota com pouco combustível ou sem item do check-list funcionais.. aí sim teríamos mais substância. O fato de terceirizar é muito pouco para levantar grave alarme.

  • Renan Macedo

    Já tem um tempo que não viajo LAtam. Nem se a passagem estiver bem mais barata (o que quase nunca acontece). Muita chance de acontecer algum problema. Péssimo atendimento. Pago mais caro, mas LATAM de forma alguma!

  • James Ao

    quem disse que a terceirização é ruim? Pelo contrario, acredito que a especialização de mão de obra e o serviço especifico de manutenção, irá melhorar a segurança dos voos Latam.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×