Denúncia do leitor: Assento+ na Latam

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Segue a denúncia do leitor Albino:

“A Latam continua a ser a Latam. Segue relato do que aconteceu comigo nessa data:

Comprei uma passagem com pontos através do site da Latam e coloquei meu número Lanpass na reserva, na qual tenho status Black. Até então confirmou. Em seguida, ao tentar marcar o assento Espaço+, mesmo tendo informado um cartão Lanpass Black, o sistema me cobrava R$ 39,00 pelo assento. Marquei um assento normal mesmo, e segui adiante.

Porém, após efetuar o pagamento, na tela de confirmação constava meu número do Latam Fidelidade (meu CPF) ao invés do número Latam Pass. Na mensagem que recebi por email, a mesma coisa.

Entrei em contato com a central de atendimento através do 4002-5700, cujo atendimento já está conhecido por ter piorado bastante desde que a central foi terceirizada, para solicitar a alteração do número do Latam Fidelidade para o Lanpass.

A atendente disse que essa solicitação teria que ser atendida pela Lan Chile e que iria me transferir para lá. Indaguei se a informação estava correta, embora eu já soubesse que não, e ela respondeu dizendo que era o procedimento a ser seguido.

Aguardei alguns minutos até ser atendido pela Lan e expliquei minha solicitação. A funcionária, muito educadamente e de forma clara e precisa, disse que a informação estava errada, e chegou até a me perguntar o nome da funcionária que tinha me informado que era com a Lan, mas infelizmente eu não anotei.

Portanto, fui transferido de volta para a Latam, sendo atendido por outra funcionária, a qual refiz minha solicitação e então fui atendido.

Em seguida, pedi para marcar o Espaço+ para mim e minha esposa, que é OneWorld Ruby na American Airlines e na Latam. Daí a atendente informou que nenhum de nós teríamos direito, pois só clientes Latam Fidelidade Platinum ou superiores teriam direito.

Tive que explicá-la, então, que eu, como cliente Lanpass Black, sou também OneWorld Emerald, e minha esposa Ruby, ambos tendo direito ao assento gratuitamente de acordo com as informações constantes no site da OneWorld (fontes: aqui e aqui).

Em seguida, ela foi falar com o supervisor, e retornou dizendo que apenas eu teria direito, pois clientes Ruby ou, na sua similaridade, Latam Fidelidade Gold não têm direito ao Espaço+ gratuito. Contra-argumentei, mas sem sucesso.

Pesquisando mais a fundo no site da OneWorld, abri a página específica do Latam Fidelidade Gold (link aqui), na qual consta que os passageiros desta categoria têm direito ao “assento preferencial”.

Em seguida, abri uma reclamação no consumidor.gov.br e também enviei uma mensagem através do Facebook Messenger, recebendo a seguinte resposta:

Conclusão

Ou seja, a Latam está indo contra o que está publicado no site da OneWorld e adotando uma política própria de concessão de benefícios a clientes elite da aliança. Sabe-se lá se outros direitos também não estão sendo respeitados.

Não sei qual o acordo ou determinações que a OneWorld tem com as companhias mas, a meu ver, isso é uma quebra das regras da aliança, pois gera desequilíbrio na prestação de serviço dela com as outras companhias.

Fica aqui minha denúncia, na esperança de que possa ter uma maior visibilidade, e que possa chegar à OneWorld que, inclusive, não dispõe de um formulário de contato no seu site.

Abraço,

Albino.

………………………………………

Não há nada ruim que não possa piorar. Péssima a atitude da Latam, violando as normas, que ela própria estabeleceu, ao criar os benefícios para as categorias elite do programa de recompensas, além de desrespeitar as normas da aliança aérea a qual pertence, prejudicando, com isso, direitos legítimos dos passageiros.

Agradeço ao Chief pelo envio do alerta!

Tagged as:
  • TRL

    Isso é realmente irritante: a companhia adere a uma aliança porque ela quis, sem estar obrigada a tal por ninguém – mas não se sente obrigada a respeitar as regras da aliança. Outra, salvo tenha sido mudada a prática, se você for Safira ou Esmeralda de outra companhia Oneworld, eles só te deixam ir num assento Espaço + na hora do checkin – ou seja, você não tem previsibilidade nenhuma, o que é péssimo se você estiver viajando acompanhado.

  • Leandro Esteves

    Abandonei a latam. Só não desliguei total ainda pq consegui o match da Latam Pass, mas não acúmulo mais nada na Latam. Só tenho usado a multiplus para mandar ponto pro Le Club Accor, quando eles dão 10% desconto pro clube.

    • Leonardo Guimaraes

      Isso acontece mesmo?? Me explique? Deu certo o seu??
      Como fez?

      • Carlos Telles

        Estou tentando desde novembro mas sem resposta.

        • Leandro Esteves

          Também pedi pra minha esposa, mas o dela está desde dezembro em análise.

      • Leandro Esteves

        Tem um post aqui explicando

        • Leonardo Guimaraes

          Onde tá esse post explicando sobre transferir pontos da multiplus pro lê club e ganhar bônus lê club por fazer parte do clube multiplus!!

          • Leandro Esteves

            Desculpe, achei que estava falando do match. O multiplus em alguns períodos da desconto de 10% pra quem é do clube, e isso inclui as transferências pro le club Accor. Aí acaba saindomais barato que o 3×1.

            • Marcio Rodrigues

              Leandro, a Multiplus envia e-mail informando essa promoção de 10%?

              • Leandro Esteves

                Na última vez que teve enviaram sim e também apareceu não afina principal deles.

                • Marcio Rodrigues

                  Ok.Obrigado .

  • Ricardo

    Quando a TAM entrou na oneworld, ainda tinha primeira classe. Fui fazer check in em MIA. Entrei na fila da primeira classe, com meu cartão Explat da AA.

    Me “arrancaram” de lá, mesmo eu mostrando as regras da oneworld no site. À época, a única exceção que a TAM tinha feito para acesso por emerald era a sala vip de primeira classe de GRU.

    • TRL

      Parece ser algo latino… o camarada anuncia pomposamente estar numa aliança aérea, oferecendo luxos e tal. Mas acho que sente desgosto quando alguém se torna elegível ao benefício – devem pensar algo do tipo “Mas era só pra inglês ver… Como é que conseguiram cumprir todos os requisitos? Como, se foram cuidadosamente pensados para ninguém conseguir desfrutar!?”

  • Albino

    É sempre assim, outro problema do sistema da Tam: vc emite um bilhete e todos os passageiros ficam com o número do fidelidade do emitente. Não é possível que em tantos anos que isso ocorre, ninguém tenha conseguido resolver isso.

  • Albino

    A Latam respondeu minha reclamação no consumidor.gov.br:

    “Esclarecemos que para clientes das categorias Ruby, Sapphire e Emerald da oneworld, o benefício é oferecido mediante a disponibilidade e deve ser solicitado no momento do check-in.”

    Ainda que fosse, não há essa informação em lugar nenhum, nem no site da Oneworld nem no da Latam. Mas o problema maior é você conseguir esse benefício lá no aeroporto quando você não tem a nem tempo nem a quem reclamar.

    É muita dificuldade !

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×