[Guest post] Retrospectiva 2017 de todas as promoções de bônus de transferências de cartões de crédito para os programas de milhagens aéreas – O Guia Completo

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Nessa reta final de 2017 e no começo de 2018, o Meu Milhão de Milhas estará trazendo material inédito da mais alta qualidade produzido por nossos leitores e experts (Carlos, Celso etc.), cobrindo uma variedade bastante grande de assuntos, principalmente programas de milhagens aéreas, que é, por sinal, o prato principal que o blog oferece aos leitores. 😀

No guest post de hoje, o leitor e prata da casa Carlos nos brinda com uma análise completíssima da retrospectiva 2017 dos bônus de transferências de cartões de crédito para os programas de milhagens, com gráficos e estatísticas de perder o fôlego. Qual foi o programa de milhagens que mais realizou promoções? Qual foi o que teve o maior percentual de bônus? Quais foram os piores? E os melhores? Todas essas perguntas são respondidas, com fatos e números.

Trata-se do material mais completo já produzido sobre o tema, a partir do qual os leitores poderão extrair conclusões valiosas sobre o que podemos esperar de 2018, baseado no contexto histórico em que vivemos esse ano de 2017. Confiram!

……………………..

“Segue abaixo levantamento com, possivelmente, todos os bônus que os cinco principais programas de milhagem “luso-brasileiros” (Multiplus Fidelidade, Smiles, Tudo Azul, Amigo Avianca e Victoria TAP) ofereceram, em 2017 (até 12 de dezembro), nas transferências de pontos dos principais cartões de crédito do mercado brasileiro (Livelos Banco do Brasil e Bradesco, Itaú, Santander, Caixa Econômica Federal, Porto Seguro e American Express Membership Rewards). Praticamente todos os dados foram extraídos do Meu Milhão de Milhas (fonte: Seção de Arquivos), com poucas exceções.

No levantamento, foram considerados apenas os bônus diretos. Por exemplo, Multiplus e Livelo ofereceram boas promoções com volta de pontos (promoções do tipo “points back” ou bumerangue), mas estes casos não foram computados para manter a simetria das informações. Pelo mesmo motivo, foram ignorados os valores válidos apenas para quem fosse membro dos clubes dos programas de milhagem, ou que tivessem quantidade limitada de pontos para transferência.

Excetuando o Multiplus Fidelidade, para os outros programas há valores com * (em laranja), significando que havia alguma restrição ou bônus associado aos valores. Por exemplo, várias promoções eram limitadas a segmentos específicos dos bancos (BB Estilo, Itaú Personnalité…) ou fazer parte do Clube Livelo. E, no caso do Smiles, vários bônus estavam associados a outras vantagens (descontos em emissões de passagens ou compra de pontos, as chamadas promoções combo, como essa aqui).

Multiplus Fidelidade:

Smiles:

3. Tudo Azul:

4. Amigo Avianca:

5. Victoria TAP:

Como é possível verificar nos gráficos, Smiles e Tudo Azul oferecem os bônus com mais frequência, e Multiplus Fidelidade, os menores valores. Vamos a números mais precisos:

. Multiplus Fidelidade ofereceu 17 bônus, com média de 42%;

. Smiles ofereceu 46 bônus, média de 68%;

. Tudo Azul ofereceu 38 bônus, média de 71%;

. Amigo Avianca ofereceu 13 bônus, média de 96%;

. Victoria TAP ofereceu 4 bônus, média de 75%.

E dos cartões de crédito, temos:

. Livelo BB com 64 promoções, média de 69%;

. Livelo BRA com 54 promoções, média de 68%;

. Itaú com 44 promoções, média de 61%;

. Santander com 55 promoções, média de 64%;

. CEF com 50 promoções, média de 59%;

. Porto Seguro com 46 promoções, média de 57%;

. Amex com 37 promoções, média de 61%.

No geral, é melhor ter algum cartão de crédito ligado à plataforma Livelo BB para aproveitar a maioria das promoções com melhores bônus, embora não tenha tido nenhuma promoção exclusiva BB imperdível.

As melhores promoções, na minha opinião, foram as do Santander com 150% para o Amigo Avianca (post aqui), Bradesco com 120% para Smiles (post aqui), e Victoria TAP com 100% para Bradesco e BB (post aqui). Neste ponto, a plataforma Livelo BRA foi mais interessante. Mas fica patente que o Livelo é a melhor plataforma para se investir, tanto pela quantidade, quanto pelos valores mais altos das promoções. E levando em conta que é a única opção em que é possível a aquisição de pontos por valores bastante competitivos (através dos clubes, promoções ou transferências pontos+dinheiro), não haveria dúvida em recomendar esta opção a qualquer um que esteja pensando sobre onde investir seus pontos ou dinheiro em 2018.

Também é inegável o abandono, pelo Bradesco, da plataforma Membership Rewards. Das 37 promoções da Amex, apenas uma foi exclusiva e compartilhada com o Livelo BRA, esquecíveis 70% de bônus para Smiles mais descontos. Todas as outras 36 eram disponíveis para outros cartões.

Vamos olhar agora mais especificamente cada programa:

Multiplus Fidelidade

Os bônus diretos do Multiplus Fidelidade vão de 30 a 50%. No início do ano, havia uma diferenciação para o Clube Multiplus passando o bônus, aos associados, de 50 para 55%, acréscimo pouco relevante. No final do ano, mudaram esta tendência, diminuindo o bônus para 40% e passando para 60% aos associados (exemplo: essa promoção). O maior bônus que tivemos foi indireto, havia 10% de bônus a associados ao Clube Multiplus e 40% de pontos de volta a associados Clube Livelo, que equivaleria a um bônus de 83% (o post sobre os 83% de bônus está aqui).

Apesar da melhor promoção ter sido com o Livelo, o Multiplus Fidelidade costuma boicotar o programa, e não tem parceiros preferenciais. Foram três promoções para Livelo BB (média de 43%), duas para Livelo BRA e Amex (médias de 50 e 45%), sete para Itaú e Santander (médias de 47 e 35%), e onze para CEF e Porto (40%). Maior média para Livelo BRA e maior quantidade para CEF e Porto mas, normalmente, as promoções para estes são por exclusão (valem para todos os bancos, exceto BB, BRA, Itaú, Santander…).

Aparecendo bônus de 50% ou mais, vale a pena transferir.

Smiles

São tantas as promoções do Smiles que, no gráfico acima, estão representados apenas bônus de 70% ou mais. Mas, nos dados completos, os parceiros preferenciais do Smiles são Livelo BB (35 promoções, média de 69%), Livelo BRA (32 promoções, média de 66%) e Santander (31 promoções, média de 66%). Todos os demais parceiros têm média de 62% e ocorrências parecidas, com vinte e poucos. Para uma boa parcela dos bônus Smiles, é necessário estar associado ao Clube Smiles ou ser cliente Diamante. A vantagem das promoções com Livelo, normalmente, é que a associação ao Clube Livelo elimina a necessidade do Clube Smiles.

O maior valor promocional foi de 120% para Livelo BRA (post aqui) e, aparecendo bônus de 100% ou mais, vale a pena transferir. Com 80%, só se houver vantagens adicionais associadas.

Tudo Azul

Assim como no Smiles, são tantas as promoções que só estão representados no gráfico valores de 60% ou mais. Disparadamente, o parceiro preferencial do programa é o Livelo BB, com 23 ocorrências e média de 70%, e os “enjeitados” são Porto e Amex, média de 55% e 11/10 ocorrências. O Tudo Azul costuma oferecer bônus adicionais de 5 ou 10% para associados ao seu Clube e, quando associado há mais de um ano, bônus adicional.

Eu tinha a nítida impressão que os bônus de 100% eram mais comuns, mas estava enganado, foram poucas as ocorrências. Assim, bônus de 100% são imperdíveis e 80% são bons bônus, mas que ocorrem com frequência.

Amigo Avianca

Os parceiros preferenciais do Amigo Avianca são Livelo BB, com sete ocorrências e média de 86% e Santander, seis com 103%. O detestado foi Itaú, com apenas um bônus de 70%.

O Amigo Avianca foi quem apresentou o maior bônus de que me recordo na história dos cartões, com 150% (post aqui, esse é o recorde histórico a ser quebrado). Houve uma promoção com 120% de bônus para o Santander também, mas somente para quem era Gold ou Diamond no programa (post aqui). E sua grande vantagem é, apesar de não fazer promoções com frequência, oferecer o bônus de 100% com certa regularidade.

Victoria TAP

O Victoria TAP pareceu que iria terminar sua tradição de bônus de 100% em junho quando ofereceu somente 50% para Porto e CEF em maio (post aqui). Felizmente, o bônus de 100% em junho veio (post aqui), embora somente para o Livelo. Em novembro, ofereceu novamente bônus de 50%, mas limitou o bônus máximo em 20k milhas (post aqui).

Por este motivo, é imprevisível se teremos 100% novamente em 2018. Eu chutaria que sim, sem muita certeza. Por isso, para quem quiser aproveitar o que considero a melhor oportunidade no mercado das milhas, é bom ter um bom saldo reservado para o mês de junho caso o bônus venha, e um bom plano alternativo para as milhas, se o bônus não vier.

……………………………

DICA EXTRA: se você ficou curioso sobre a cronologia dos bônus de transferência de cartões de crédito, e quiser saber mais informações sobre a evolução histórica das promoções ao longo desse ano de 2017, basta acessar a nossa Seção de Arquivos, que está bastante prática e funcional (já que agrupa os posts por mês), e navegar pelos posts de seu interesse. 😉

Quer aprender mais? Então leia os demais guest posts do Carlos:

Agradeço ao Carlos pelo trabalho de alto valor agregado, realizado nessa pesquisa!

  • Emmanuel Kalispera

    Análises muito boas, excelente texto. Apenas, como sugestão, entendo que avaliar exclusivamente o percentual do bônus não traga toda a informação disponível para a tomada de decisão. Devemos levar em consideração, também, que muitas vezes é melhor um bônus menor, mas em um programa mais estável para emissões e/ou com preço de milhagem melhor para quem deseja negociar. Eu, por exemplo, tenho evitado o Smiles e o Tudo Azul, mesmo com bônus generosos, pois entendo que a estabilidade nos valores de emissões que encontro no Multiplus é melhor, mesmo com bônus menores.

    • Carlos

      Perfeito, Emmanuel. Esta avaliação sobre os valores das emissões virá no combo natalino. Primeiro o levantamento dos bônus, depois os valores sem e com bônus para econômica e executiva e finalmente uma discussão sobre os dois programas que você citou e considerações sobre disponibilidade.

      • Guilherme

        Excelente, Emmanuel! E já que o autor da quadrilogia deu o spoiler…..rsrsrsrs….. eu só reforço: um dos próximos posts do Carlos contempla justamente essa análise: por quê Smiles e Tudo Azul, com promoções tão generosas, são as piores escolhas? Parece paradoxal, mas não é. Aguarde!!!!

  • Leandro esteves

    Excelente post. O blog tem se tornado minha referência, visto que os maiores do ramo se venderam para as empresas aéreas e de fidelidade.

    • Guilherme

      Obrigado, Leandro!!!!! De fato, o que não falta por aí é cara vendido….rsrsrsrs

      • Leandro esteves

        E isso atrapalha muito. Até compreendo que, se uma pessoa vive do uso comercial do site, ela tenha que fazer a propaganda ou a divulgação de algo, mas quando o site induz o leitor ao erro, porque é patrocinado por determinada empresa, aí já é demais. Acho mais honesto pedir contribuição, postar links onde ganhe um % e tal.

  • SwineOne

    Pessoal,

    Tenho uma dúvida que deve ser elementar, mas agradeceria a ajuda dos colegas do site.

    Tenho um cartão Bradesco Prime Mastercard que mantinha apenas porque não havia cobrança de anuidade (assim como a conta associada). Em muitos meses não gastava nem um único centavo nesse cartão, porque já estava concentrando tudo no Santander, mas mantinha porque afinal, era de graça. Mas acabou a mamata e este mês cobraram anuidade do mesmo. Caso vá até o banco semana que vem e feche a conta e cancele o cartão, é devida a cobrança a anuidade, ou posso brigar sem dó para que removam a cobrança, já que estou cancelando assim que a cobrança começou? Basicamente: a anuidade é pré-paga (referente ao ano que vem) ou pós-paga (referente ao ano que passou)?

    • Rodrigo Rieger Maia

      Olá Swineone, você pode brigar sem do. Se você solicitar o cancelamento baseado na cobrança da anuidade que nunca era cobrado e passou a ser cobrado então eles devem estornar e efetuar o cancelamento. Eu já passei pela mesma situação e confesso que não foi tão simples, mas no fim cancelaram e eu não paguei nada, foi com o Bradesco também!

      • SwineOne

        Muito obrigado pelas informações. No seu caso você fez pela central ou pelo banco? Acredito que de qualquer jeito o pessoal do banco me mandará falar com a central, mas de toda forma tenho que ir no banco também para cancelar a conta, que não me serve mais pra nada sem o cartão, e também certamente começará a ser cobrada, inclusive diria que provavelmente já na virada do ano.

        • Rodrigo Rieger Maia

          Eu fiz pela central. E sobre a conta, com certeza passará a ser cobrada, talvez se você for a agência cancelar a conta eles cancelem o cartão também, se o mesmo for linkado a conta… boa sorte!!

        • Leonardo BH

          Muda o pacote de serviços para serviços essenciais do Bacen e mantém a conta. Nunca se sabe, amanhã pode ser util.

          • SwineOne

            Dá pra abrir conta de serviços essenciais quando quiser e no banco que quiser. Não pretendo ficar acumulando serviços financeiros que não uso e só são fonte em potencial de dor de cabeça (assalto, cartão clonado, roubo de senha do internet banking, banco incluindo serviços na conta que eu não pedi com posterior dor de cabeça para estornar, etc.) Apenas mantinha essa conta porque era o que tinha antes do Santander, não me custava absolutamente nada e ainda não tinha 100% de certeza se ia ficar no Santander mesmo.

    • Ulisses Joarez

      te devolvem o valor pago

  • Fernando de Azevedo

    Parabéns pela excelente matéria. GostAria de pedir uma ajuda, desde já peço desculpas por ser off topic, mas que pode ser a dúvida de outros leitores. Pela minha experiência com a smiles, nunca entendi como expiram as milhas qualificaveis. Parece que a cada mês eu tenho menos milhas, por Que?

    • João Alexandre

      Temos que lembrar que os bonus do smiles geralmente so valem 6 meses

      • Albino

        Isso já é outra coisa. Ele está falando de milhas qualificáveis.

    • Tarcísio Bezerra

      Se não estou enganado, você tem que juntar x milhas em um período de 12 meses para subir de nível no Smiles. Logo valem por 12 meses.

    • Albino

      Elas expiram a cada 12 meses, porém sempre q vira o ano, o sistema “come” as milhas qualificáveis necessárias para subir ou se manter na categoria.

      Exemplo 1 (validade): se vc juntou em 01/06/2016 10.000 milhas qualificáveis em um voo, elas expiram em 01/06/2017 (talvez 31/05/2017, não tenho certeza).

      Exemplo 2 (qualificação): se vc em 31/12/2016 tinha 21.000 milhas qualificáveis, vc foi promovido/requalificado a Ouro em a partir de 01/01/2017 vai ficar com 3.000 milhas qualificáveis (21.000 que tinha menos 18.000 que a categoria Ouro exige).

  • Tarcísio Bezerra

    Prezados suas postagens, ficaram maravilhosas e excelentes, observei que isso foi feito no final do ano passado, e que foi maravilhoso também.

    Imagino o trabalho que deu, se não for pedir de mais, mas já pedindo, vocês poderiam fazer um gráfico comparativo 2017, 2016, 2015?

    Para termos em estatística se no decorrer dos anos as promoções de fato vem aumentado, ou se ocorrem com maior frequência com bônus maiores. Seria fantástico, se for possível.

  • Pedro

    S E N S A S I O N A L ! ! !

    Parabéns pelo trabalho, e muito obrigado por compartilhar isso conosco!

  • Luís Henrique Big

    Boa Noite, Pessoal!!! Feliz Natal:
    – Será que teremos promoção ou uma maior maximização dos pontos, com promoçõesx bonus?
    Me recordo que em Fevereiro de 2017 tivemos uma promoção ( livelo x tap) acho que era compre pela metade e transfira 100%. alguém sabe informar?

  • Pingback: [Guest post] Os melhores cartões de crédito, programas de milhagens, bugs, lançamentos e mais… de 2017! | Meu Milhão de Milhas()

  • GILMAR

    Sensacional

  • Denilson Vargas Lima Junior

    Parabéns!!

  • Felipe Souza

    Parabéns!

  • Pingback: [Guest post] Comparativo atualizado de emissões – resgate das passagens em classe econômica ou classe executiva do Brasil para o resto do mundo! | Meu Milhão de Milhas()

  • Pingback: [Guest post] Como ir para Fernando de Noronha, mesmo em alta temporada, gastando R$ 1.200,00 (ou menos) + taxas, usando o Smiles, o Livelo, e… a Claro (sim, a operadora de telefonia). Bônus: upgrade para o status Diamante no Smiles + um plano de ce()

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×