Boa notícia: Smiles retira a cobrança das sobretaxas de combustível (YQ) nos resgates de passagens-prêmio voando TAP e Emirates

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Em primeiríssima mão, a dica do leitor Maikon: (fonte original nos comentários a esse post): o Smiles retirou a cobrança das sobretaxas de combustível (YQ) nos resgates de passagens-prêmio voando TAP, em embarques originados do Brasil (ou que contemplem ida+volta).

Como é sabido de todos, a ANAC veta a cobrança da YQ para voos originados do Brasil.

Fiz uma rápida pesquisa, e confirmei essa informação:

Observem que são cobradas apenas as taxas de embarque, nesse itinerário que contempla ida e volta. Se a YQ fosse cobrada, o valor das taxas subiria para mais de R$ 1 mil.

A boa notícia é que a Emirates, conforme o Tarcísio disse, “foi no bolo”, e também as passagens emitidas via Smiles, em voos Emirates originados do Brasil, não sofrem o incremento da YQ. 😀

MAS ATENÇÃO!

O Victoria TAP continua cobrando a YQ para voos TAP saindo do Brasil, de modo que temos uma situação um tanto quanto esquisita: em questão de taxas (não em questão de quantidade de milhas), é mais barato emitir um voo da TAP com milhas Smiles do que com milhas do próprio Victoria TAP. Vai entender!

Conclusão

Não se sabe até quando isso irá durar, portanto, se você tiver um resgate em mente, é bom que o faça logo.

Agradeço ao Maikon e ao Tarcísio pelo envio da notícia!

Tagged as: , ,
  • Carlos

    Me parece indiscutível que a cobrança das taxas é ilegal. Apesar da Anac ter respondido que estas taxas são ilegais em passagens, mas que não regula bilhetes emitidos com milhas, a analogia é clara. Se não pode cobrar em um, é lógico que não pode em outro. O Smiles já deve ter levado em conta os prejuízos futuros para fazer esta “bondade”.
    No caso do Victoria, eu seguiria a sugestão do Albino, emitiria as passagens normalmente e depois entraria com uma ação no JEC pedindo a devolução em dobro.

    • Albino

      Com certeza !
      Em tempo, a Tap reduziu a tabela de resgates saindo do Brasil. Já enviei por e-mail para o Guilherme para ele publicar.
      Novos valores: 50.000 na econômica e 75.000 na executiva pra Portugal.

    • Guilherme

      Parece piada a Anac não regulamentar bilhete emitidos com milhas…
      Ela também não fiscaliza a segurança operacional se um avião voar exclusivamente com passageiros emitidos com milhas?

      • Albino

        kkkk boa

      • Guilherme

        rsrsrsrsrsr…… boa, xará!

    • Guilherme

      Perfeito!

      Aliás, uma das maiores provas da ilegalidade da cobrança da YQ é a própria Gol, via Smiles, reconhecer a ilegalidade dela, e retirá-la das emissões com milhas.

      • Guilherme, simulei agora um trecho que eu emiti dias atrás (FLN-Dubai e Dubai-Bali) pra ver se a taxa continuava a mesma, e continua.. mais de 600 reais de taxas, o valor que eu paguei.. será que quando eu emiti já não estavam cobrando? Ou apenas embutiram o valor que antes constava como “taxas cobradas pela cia aérea” em “taxas”?
        Em tempo: um resgate via Emirates do trecho Dubai-Bali, ida e volta, custa a bagatela de 100 mil milhas + (pasme) 2.659 reais de taxas.. quem em sã consciência vai emitir isso?

        • Guilherme

          Oi Laís! Eu não cheguei a simular com a Emirates. Teria que ver a composição das taxas dentro da nomenclatura “taxas”, pode ser que, no caso da Emirates, existam outras taxas além da YQ, mas não tenho certeza.

          Quanto ao trecho Dubai-Bali, realmente uma loucura esse valor. Acho que em programas internacionais se consegue uma precificação melhor.

          Abraços!!!!

        • Observando Fato

          Se pretende viajar com a Emirates emitindo com milhas ira pagar taxa YQ em todos os programas. Pode ter alguma variacao conforme o programa, mas as taxas sao altas e sem perdao. Lembro de uma emissao no passado em First de Melbourne para NYC que arquei com 1000 USD por bilhete de taxas. ME 3 é outra conversa. Podem cobrar que terao sempre passageiros pelo excepcional servico que oferecem. Inclusive descobri que a Qantas nao libera emissao com a Emirates partindo do Brasil, pois o pais nao permite taxa YQ. Entretanto no sentido contrario com o pagamento de taxa DXB-GRU OU DXB-GIG esta liberado para emissao.

      • Guilherme

        Agora tão cobrando a YQ até em passagens pagas
        voo da Tap para Porto
        TP YQ surcharge (YQ) R$325.35

  • Leonardo Guimaraes

    Eu fui pesquisar e em voos pela Emirates ainda aparecem as taxas de combustível tao em voos saindo do brasil quanto fora do brasil.
    Em voos da tap a cobranca nao existe mais!

  • Paulo Pereira

    Tentei comprar uma passagem ida e volta no trecho Belém Lisboa Belém, hoje, 07/01/2018. 135 mil milhas mais 1.290,00 de taxa da companhia aérea (tap) mais 218,00 de taxa de embarque. Tá complicado isso. Quase 1.600,00 de taxas. Reclamar pra quem?

  • Pingback: A novela continua: Smiles (ou TAP?) volta a cobrar sobretaxas de combustível (YQ) nos resgates de passagens-prêmio voando TAP, em voos saindo do Brasil | Meu Milhão de Milhas()

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×