Danou-se. Número de pontos Amigo para voar na Avianca Brasil vai variar conforme preço das passagens em reais [via Todos a Bordo]

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Péssima notícia: o Amigo Aviança pretende fazer a “marcação a mercado” dos preços das passagens em pontos.

Apesar de não ter (ou ter!?) uma tabela de resgates, todos sabemos que, na prática, o Amigo Avianca trabalha com 10 mil pontos para o resgate padrão, e 20 mil pontos para os resgates “mais em cima da hora”, com eventuais promoções abaixo de 10 mil pontos.

Vejam a notícia do blog Todos a Bordo:

“Outra mudança é em relação à política de preço praticada nessa modalidade. Hoje, as rotas têm pontuação fixa e a proposta é que os valores variem de acordo com o preço em real das passagens. “Se baixar o valor em reais, os pontos, os pontos automaticamente vão descer para ficarem mais atrativos e deixar o sistema mais fácil”, afirma Pedreira. “Vamos dar mais opções aos nossos clientes para usarem as milhas deles de uma forma mais eficiente”, avalia.

Melhorar o programa Amigo tem sido um dos objetivos atuais da Avianca. Em recente pesquisa feita pela própria companhia com seus passageiros, esse foi o item que recebeu a pior avaliação.”

Conclusão

Se o preço das passagens em pontos vai variar conforme o preço da passagem, então qual será o incentivo para usar um programa de milhagens aéreas? É melhor comprar a passagem em dinheiro, parcelar em “n” vezes (coisa que é impossível com os pontos), e ainda acumular os pontos no programa de milhagens.

Um dos grandes atrativos dos programas de milhagens é permitir justamente melhores precificações e efetiva economia de dinheiro. Imagine uma passagem GRU-CNF que custe R$ 500 em dinheiro, e 10.000 pontos em milhas. O que você vai preferir, pagar em dinheiro ou pagar em pontos?

Agora, imagine a mesma passagem custando R$ 500 em dinheiro, e 200 mil pontos em milhas (como o Tudo Azul gosta de fazer). O que o Amigo Avianca pretende fazer é isso: estabelecer uma espécie de “banda flutuante” do valor em pontos, proporcional ao valor da passagem em dinheiro.

Isso é péssimo para o programa de milhagens, principalmente nas emissões mais caras: imagina então quanto não vai sair uma passagem em classe executiva!? 

Apesar dos pesares, acho que essa loucura não vai chegar nos resgates da Star Alliance, pois eu suspeito – não tenho certeza – de que as cias. aéreas são obrigadas a obedecerem uma tabela fixa de resgates para voos na aliança.

Mas, de qualquer forma, fica aqui registrada a minha crítica a esse programa que eu considerava (até então) um dos melhores do mercado brasileiro.

Agradeço ao Bruno pelo envio da notícia!

p.s.: de certa forma, essa flutuação do preço das passagens em milhas ao sabor do preço em dinheiro é que o Tudo Azul já vem praticando há algum tempo, e um dos motivos pelos quais esse programa não decola.

Tagged as: ,
  • Davi

    Tomara que os colegas que transferiram uma quantidade de pontos grandes do Santander pra aproveitar o bônus de 150% consigam aproveitar seus pontos a contento. Nada pior que ter transferido sua reserva de pontos e não conseguir usar porque agora os valores vão ficar inviáveis

    • Vanessa

      Estou com muito medo de ficar nesse grupo, ainda não usei as milhas que enviei para lá, pretendia usar ano que vem, pelo visto vou ter que usar logo para não ficar prejudicada.

  • Jackson

    estava triste por ter acabado meus pontos na avianca. Já não estou mais. Pior que na situação atual NENHUM programa está bom. O tudoazul ano passado foi o melhor, pois se eu comprasse a passagem com exatos 1 ano de antecedência encontrava preços bem atrativos, como gosto de me planejar, era o ideal. Agora ele mudou e cobra infinito pra tudo e só baixa para vôos em cima da hora, como eu nunca vôo em cima da hora, estou sem uso nenhum no TudoAzul.

    • Vanessa

      Não tenho conseguido bons preços nem para voos em cima da hora com a azul.
      Essa tabela flutuante da azul é a maior furada, não transfiro para lá nunca mais! Vou gastar o que resta e desistir de vez deles.

  • Marcos

    Nacionalmente, pra mim era o melhor programa. Consegui um trecho CGH-FOR na manhã do dia 24/12 por míseros 7000 pontos para 4 pessoas. Pelo jeito, nunca mais irá se repetir. Também acho que em nível internacional (Star Alliance), esse nível de volatilidade das passagens com pontos não irá se aplicar. Mas infelizmente vai morrer o melhor programa pra resgates a nível nacional.
    A última esperança é que a fusão das duas Aviancas nos leve ao Lifemiles.

  • Marcelo

    Parabéns por haver CITADO A FONTE!!! Coisa rara hoje em dia…

    Quanto ao AMIGO, é uma fraude: não emite (alega não ter disponibilidade, mesmo se achando tal em outras parceiras da aliança) na ASIANA, THAI e EVA no mínimo…. atendentes piores que o da LATAM (isto é difícil…rsrs)…

    Eu tinha mais de 200k. Mas queria voar premium em parceiros… acabei desistindo.

    Vendi e ABANDONEI DE VEZ o programa. Nem com bônus de 500% voltarei para este…

    • Guilherme

      hehehe….valeu, Marcelo! Graças à minha citação da fonte, a notícia viralizou nas redes sociais……rs… quem diria o MMdM dando pauta pra blogosfera de viagens…. rsrsrs 😆

  • Cicero

    Guilherme, primeiramente repito o que já fez o Marcelo e te parabenizo por ter citado a fonte. Li a notícia aqui (e continuarei lendo outras), mas é uma atitude que mostra a sua honestidade. Como uso RSS e engraçado ver como depois que uma notícia sai em um lugar sai sendo repetida em outros (estou falando daqueles que não tem nenhuma fonte…).

    No mais, fico com um certo receio disso se repetir na star alliance, em especial na TAP. Começou com a azul, aí a irmã brasileira vai atrás. Meu medo é cruzar o atlântico e ir para a outra empresa que pertence ao dono da azul (e quebfez recentemente uma chamada com bônus de 100%). Muita paranóia ou será que há chances reais disso?

    • Guilherme

      Muito obrigado pelas palavras, Cícero!

      Sobre sua dúvida, é uma hipótese, mas acredito que com menos chances de se concretizar, uma vez que o programa de milhagens do Victoria TAP é bem consolidado, com anos de estrada, e uma mudanças dessas seria muito abrupta.

      • Marcos

        Guilherme, sobre o Victoria, complementando o que você disse, sem contar que o programa é europeu. Lá a coisa funciona diferente do que essa baderna que é o Brasil…

        • Guilherme

          Muitíssimo bem lembrado, caro Marcos!

        • Luis Ghivelder

          Eu vou voar de Turkish da Europa para India. Para onde devo mandar as milhas, Life Miles ou Amigo ? Pensei em mandar para o Amigo pois la a conta pode crescer com transferencias de cartao de credito, mas se precisar de MUITOS pontos para qualquer passagem nao adianta nada.

  • Pingback: Bônus de 100% ou 120% nas transferências dos cartões Santander, Pan (Pan!?) e Caixa, para o Amigo Avianca. Huuummm…..seeeiiii…… | Meu Milhão de Milhas()

  • Pingback: Amigo Avianca tem resgates a 23 mil pontos para Miami e 10 mil pontos para Santiago (por trecho) | Meu Milhão de Milhas()

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×