A volta dos que n?o foram: tarifas promocionais na classe executiva R da Qatar Airways “voltam” a pontuar Avios no British Airways Executive Club (BAEC)

Uma lamban?a sem precedentes causou alvoro?o no mundo das milhas e pontos no exterior.

Alguns clientes mais atentos do programa da British haviam percebido que o BAEC havia retirado, praticamente na calada da noite, a classe tarif?ria “R” dos voos da Qatar Airways como eleg?vel para o ac?mulo de Avios.

O problema: essa classe tarif?ria ? a que ? vendida nas super promo??es que a Qatar vem frequentemente publicando, principalmente em voos partindo da Europa para a ?sia e para a Austr?lia, e as quais n?s temos constantemente dado aten??o (basta ir na se??o de Arquivos do blog e dar uma busca com a?palavra Qatar). Eles chegaram ao ponto, inclusive, de vender passagens da Europa para a Austr?lia em classe executiva pelo valor irris?rio de USD 1.340, com taxas inclu?das.

At? se entende que tarifas com grande desconto em classe econ?mica n?o pontuem – ou pontuem pouco – nos programas de milhagens parceiros, mas passagens em classe executiva ganharem zero pontos?

V?rios desses clientes, ent?o, resolveram contactar a British, atrav?s de diversos meios, como o call center, Twitter etc., para confirmar a veracidade dessa informa??o, e eles, inicialmente, havia confirmado que a classe tarif?ria “R” da QR havia sido, sim, propositadamente exclu?da do ganho de Avios.

qatar

Por?m, diante da repercuss?o extremamente negativa disso – afinal,?se at? passagens em classe econ?mica com grandes descontos pontuam, por qu? passagens em classe executiva n?o pontuariam? – o BAEC resolveu voltar pra tr?s, disse que houve um equ?voco, e bla bla bla, e confirmou que, sim, todas as passagens promocionais em classe executiva na tarifa “R” da Qatar pontuam Avios no BAEC, para o al?vio de todos, principalmente para aqueles que optam por creditar as milhas voadas no metal Qatar em outros programas da rede One World, especialmente, ? claro, o BAEC.

Conclus?o

Era s? o que faltava: voc? comprar passagens em classe executiva em tarifas publicadas aos quatro ventos (n?o falo, portanto, das promobugs) e ainda por cima n?o pontuar.

Especula-se entre os estrangeiros entendidos no assunto que, na verdade, a inten??o original da BAEC era de fato excluir a tarifa R dos voos da Qatar como eleg?vel para o ac?mulo de Avios, mas que, por ora, resolveram adiar a implanta??o dessa not?cia. Huummmm……. sei n?o, mas at??penso que essa teoria seria plaus?vel.

No final das contas, eu acho que o mundo caminha mesmo pra isso: num futuro n?o muito distante, as cias. a?reas tender?o a aniquilar cada vez mais a possibilidade de ganhos de muitas milhas atrav?s de voos com desconto, mesmo que esses voos com desconto sejam oriundos de passagens compradas em classe executiva.

Vide, nesse contexto, o p?ssimo exemplo da AA com o seu famigerado AAdvantage.

Fonte: Head For Points