Vamos ajudar o leitor? Viagem para a Europa Ocidental entre 23/12/2016 e 08/01/2017. Qual é a melhor opção?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

O leitor SwineOne publicou uma dúvida que resolvi transformar em post, já que o esclarecimento da dúvida pode ajudar outros leitores, sobretudo aqueles que pretendem passar o final do ano (Natal e Reveillon) na Europa Ocidental. Confiram:

………………………

“Pessoal,

Venho aqui pedir uma ajudinha de vocês para tentar concretizar uma viagem: só preciso achar uma passagem a um preço que não seja o olho da cara.

Por questões de época permitida para tirar férias (tanto minhas como da minha esposa) e mais o recesso de um curso que estou fazendo, a única janela que tenho pra viajar é entre os dias 23/12/2016 e 08/01/2017 (sim, esse é o grande pepino, viajar em torno do Natal e Ano Novo!) Em casos excepcionais, posso tentar antecipar a ida ou retardar a volta em 1 ou 2 dias no máximo. Também, não gostaria de passar menos do que 10 dias na Europa, pois não sou fã de viagens curtas.

Idealmente gostaria de sair de LDB ou MGF (as duas cidades mais próximas), mas CWB ou GRU ainda seria aceitável (daria um jeito de me deslocar até lá). O destino é a Europa ocidental: pensei em CDG, LIS ou OPO, mas também estou aberto a ir para a Holanda, Alemanha, Bélgica ou Áustria.

Um preço para a passagem de ida e volta na faixa de R$ 2.000 por pessoa, sem taxas, já começaria a me interessar. Outra opção seria usar milhas LATAM Platinum, mas para valer a pena, não poderia passar de umas 60 mil milhas ida e volta por pessoa.

Alguém teria alguma sugestão pra dar?””

…………………….

Planejar viagens para o período das Festas de Final de Ano, com bastante antecedência, é fundamental para ter sucesso em termos financeiros. Afinal, é o período de viagens que eu considero de altíssima temporada.

A primeira atividade que eu faria seria a de realizar pesquisas constantes no Google Voos, que dá resultados de todas as cias. aéreas de forma mais rápida e prática.

Os preços das passagens aéreas são dinâmicos e vivem mudando, logo, ficar monitorando, pelo menos uma vez por dia, até encontrar um preço razoável, é fundamental.

No momento em que esse artigo está sendo escrito, por exemplo, encontrei passagens de GRU pra CDG nos dias 24/12 e 9/1 por R$ 2.594, mas pela Air Maroc, com conexões em Casablanca, no Marrocos, com o detalhe de que as compras das passagens teriam que ser feitas separadamente.

GF Europa 1

GF Europa 2

Outra alternativa é utilizar os sites online que agregam os resultados, como o Kayak, Viajanet, Voopter, Submarino Viagens etc., mas não tenho experiência nesse tipo de agências online – quem souber de dicas sobre como dominar essas ferramentas online, poste suas dicas aqui. 🙂

Alguns desses sites permitem o cadastramento de alertas por email, e outros permitem personalizar os alertas para determinados itinerários montados pelo leitor quando o buscador consegue achar uma passagem pelo preço determinado, mas não sei se isso funciona na prática – mas não custa tentar.

Quanto à utilização dos pontos da Multiplus, a dica é não apenas monitorar diariamente os valores cobrados, que também mudam aleatoriamente, mas principalmente utilizar a opção “Ver outras datas”, em que se consegue visualizar o menor valor cobrado num determinado período.

Utilizando essa ferramenta, o menor valor que consegui encontrar, no treco LDB-CDG, foi de 91.000 pontos ida+volta, para ida em 25.12.2016 e retorno em 07.01.2017.

MF Europa

Há ainda a opção de complementar a quantia que falta em pontos, comprando-os da própria Multiplus – nesse caso, seriam cerca de R$ 900 a mais por pessoa, para 30 mil pontos (já que você estabeleceu o teto de 60k pontos) – mas só recomendaria essa opção em último caso, já que, comprando a passagem integralmente em dinheiro, é possível ainda ganhar os respectivos pontos.

Conclusão

Basicamente, minha sugestão é fazer a pesquisa em duas frentes: utilizando os buscadores de preços diariamente, utilizando o Google Voos, e usando o botão “Ver Outras Datas”, no caso do uso dos pontos do Multiplus Fidelidade.

E você, qual sugestão daria?

 

Tagged as: ,

15 Comments

  1. CRISTIANO ANDRADE 18/06/2016 at 11:58 #

    Eu evitaria algumas vias aéreas (em particular a Air Maroc que opera vôos charter apenas e tem muitos problemas de atrasos e conexões com suporte bastante ruim).
    No Google Flights dá pra selecionar as cias que você quer monitorar e isso ajuda a excluir certas opções.

    • Guilherme 22/06/2016 at 07:18 #

      Boa dica essa de selecionar as cias!

  2. Albino 18/06/2016 at 12:24 #

    Acho que por 60.000 pontos será praticamente impossível. A disponibilidade dos 90.000 já está razoavelmente boa em virtude do período.

    Como alternativa, caso o SwineOne consiga conciliar e encontrar disponibilidade, pode comprar a passagem de ida com milhas pra JNB ou CPT, que tem um custo de 25.000 milhas de acordo com a tabela da Latam.

    Sendo assim, seria 25.000 a ida, ficando provavelmente em Madri, mais 45.000 da volta, totalizando 70.000. Aí compraria separado o trecho interno na Europa.

    Lembrando que neste caso a mala provavelmente vai ser etiquetada pro destino final. Aí tem algumas opções a se fazer pra perder a última perna e não ficar sem a bagagem como, por exemplo, uma segunda pessoa comprar até MAD ou CDG e esta pessoa é quem despacha a bagagem.

    Comprando em dinheiro, algumas companhias as vezes não aparecem nesses buscadores. Boas opções são a AirEuropa que opera MAD, LIS e OPO praticamente pelo mesmo preço (verifica também só pra Madrid, e a Condor, que geralmente tem boas tarifas para FRA.

    Abraços

    • Guilherme 22/06/2016 at 07:18 #

      Muito criativa essa ideia de ir para a Europa via África do Sul!

  3. Adriano Sedrez 18/06/2016 at 13:28 #

    Leio um pouco alguns blogs, mas enfim, estava querendo passagens para barcelona e vi, no site da multiplus, o trecho para barcelona por 29.000 milhas e por 30.000 para paris (isso foi até quarta passada) enfim aconselho a monitorar (eu estava querendo comprar também, mas não consegui acertar as datas). Hoje o valor esta em 45k ou até mais… mas acredito que volte a baixar (pois já estava mais barato a algumas semanas, depois aumentou, baixou e agora aumentou de novo – em coisa de semanas).
    Outra opção é tentar via smiles que tem a alitalia que faz 35k o trecho para euopa… (esses dias tinha bonus de 70% ou 80% na transferência para smiles).
    Por fim, tem a opção da TAP que começará nessa segunda (dia 20).
    Abraço

    • Guilherme 22/06/2016 at 07:19 #

      Ótimas dicas, Adriano!

  4. Carlos 18/06/2016 at 14:17 #

    Isto para mim é pura diversão. Saindo do Galeão (apesar de não estar na preferência) para Frankfurt, há uma boa variedade de datas na Iberia a 2,4k reais. E o acréscimo dos trechos CWB-GIG adicionaria em torno de 300 reais.

    • Carlos 18/06/2016 at 18:12 #

      E mais um ponto a considerar: você vai viajar ou quer viajar? Porque é possível você esperar até novembro o possível aparecimento de uma promoção com preços mais baixos ou, se você já estiver decidido, aceitar garantir sua vaga pagando um sobrepreço de 30-40%.

      • Paulo 18/06/2016 at 20:16 #

        Rapaz, eu tinha lido esta publicação mais cedo e resolvi dar uma pesquisada e encontrei por 2.378,89 BRL ida 23/12 e volta 08/01 de GIG > MUC com a Iberia. Vim correndo postar e você já havia encontrado hahaha.

        Nestas situações eu recomendo sempre realizar uma pesquisa exaustiva com chegadas em aeroportos alternativos. Exemplo: em abril uma tia minha precisava chegar a Lancaster, na Inglaterra com saída de GRU e comprando a passagem com apenas 5 dias de antecedência. Todo mundo que ela conhecia havia pago mais de R$ 4 mil ida e volta chegando em Manchester e de lá se deslocando de trem até Lancaster. Eu encontrei para ela, voando de Lufthansa para Edimburgo, que possui a viagem de trem com mesma duração da viagem de Manchester para Lancaster, por R$ 2900 com taxas (mesmas datas). Além disso, o voo para Edimburgo fazia uma conexão curtíssima em Frankfurt. Já o voo para Manchester, fazia conexão de 6h.

        • Paulo 18/06/2016 at 22:38 #

          Só mais uma coisa, antes que me esqueça. Você também pode trabalhar com open jaw para reduzir o preço da passagem aérea e procurar emitir o bilhete em sites gringos (muitas companhias cobram preços diferentes dependendo do país do cliente).
          Seguindo o preço encontrado pelo Guilherme, consegui um open jaw pela Royal Air Maroc por R$ 2165 com taxas incluídas. Saída dia 23/12 de GRU com destino a ORY e retorno 08/01 de CPH para GRU.

          • Guilherme 22/06/2016 at 07:20 #

            Ótimas dicas, Paulo, essas de procurar em aeroportos não muito procurados, e a de trabalhar com open jaw.

  5. joao 19/06/2016 at 01:26 #

    Tem que pesquisar bem e ir acompanhando, se tiver pontos na Iberia deve ficar mais barato tambem.

    • Guilherme 22/06/2016 at 07:20 #

      Boa dica, João!

  6. Ivana 23/06/2016 at 18:49 #

    Vou dia 21/12 e volto dia 10/01 GRU-Milao com a aeronave nova da LAN, voo direto. Emiti por 30 mil milhas cada trecho.

Trackbacks/Pingbacks

  1. ALERTA DE TARIFAS! Passagens em CLASSE EXECUTIVA, voando no Airbus A380 da Air France, de Madrid para Nova York, NO REVEILLON, por R$ 3.505 (936 euros), *COM TAXAS INCLUÍDAS*! | Meu Milhão de Milhas - 14/09/2016

    […] para a Europa, por valores inferiores a R$ 2 mil, com taxas incluídas, em classe econômica, como aquela aproveitada pelo SwineOne – e isso sem contar a óbvia possibilidade de uso das milhas para a rota Brasil-Europa […]

Leave a Reply

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×