An?lise completa das novas mudan?as para pior do AAdvantage

No final do ano passado, a American Airlines anunciou o seu primeiro pacote de mudan?as no AAdvantage, que inclu?a mudan?a no sistema de qualifica??o elite, mudan?as nas tabelas de resgates e mudan?as no sistema de upgrades – confira tudo no post?An?lise completa das mudan?as oficialmente anunciadas hoje no AAdvantage, para 2016.

Pois bem, agora, o AAdvantage anunciou seu segundo pacote de mudan?as, e elas n?o s?o nada positivas para os viajantes frequentes. Acompanhe abaixo a minha an?lise sobre elas.

Milhas-pr?mio: pague mais, ganhe mais

Agora ? oficial: acabou a era de ouro de se acumular muitas milhas pagando pouco dinheiro. De acordo com as novas regras, v?lidas para viagens realizadas a partir de 01?.08.2016, o ac?mulo de milhas se basear? na quantia paga em dinheiro, combinado com o status elite do cliente, e n?o na dist?ncia voada. Confiram:

AA - Milhas Pre?mio

A mudan?a ? p?ssima porque inviabiliza completamente as mileage runs, viagens de longa dist?ncia realizadas com o objetivo prec?puo de ac?mulo m?ximo de milhas, a baixo custo.

Nova categoria elite – Platinum Pro – e introdu??o dos EQDs – mais um requisito para obter upgrade de categoria

O AAdvantage incluir? uma nova categoria, a Platinum Pro,?intermedi?ria entre a Executive Platinum e a Platinum.

Al?m disso, para se qualificar para as categorias elite, ser? necess?rio, al?m de acumular certa quantidade de milhas/segmentos voados, gastar uma quantia m?nima em dinheiro.

AA - Elite

Para alcan?ar um simples status Gold, ser? preciso acumular a enorme quantia de USD 3 mil – quase R$ 12 mil. Executive Platinum ficou praticamente imposs?vel, para n?s, brasileiros: quase R$ 50 mil anuais.

Upgrades

A prioridade nas listas de upgrades ser? baseada no n?vel elite e nos EQDs acumulados nos ?ltimos 12 meses.

AA - Upgrades

Conclus?o

Em resumo, a AA ir? privilegiar quem gastar mais dinheiro com ela, seguindo, no ponto, o mesmo modelo de neg?cios adotado pelas concorrentes Delta e United. ? lament?vel que tenha ocorrido isso, j? que havia uma oportunidade de o AAdvantage se diferenciar da concorr?ncia.

Do meu ponto de vista particular, que sempre admiti o AAdvantage como o meu principal programa de milhagens, sem d?vida essas mudan?as negativas me far?o reavaliar minhas prefer?ncias pessoais, j? que a ideia de gastar mais dinheiro com passagens a?reas, que est? no cerne dessas mudan?as do AAdvantage, vai de encontro ? minha nova filosofia de gastar menos dinheiro com passagens a?reas.

Nesse contexto, ? bem prov?vel que eu passe a n?o adotar nenhum programa de milhagens como o preferencial, passando a escolher as passagens a?reas unicamente em fun??o de uma an?lise combinada dos crit?rios de pre?o, rotas mais convenientes e n?veis de conforto oferecidos, tudo isso independentemente do programa de milhagens a ser utilizado.

E voc?, o que achou das novas mudan?as do AAdvantage? Conte para n?s e compartilhe sua opini?o! 😀

 

Tagged as: