American Airlines diminuirá a frequência semanal dos voos diretos entre Recife e Miami

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

A crise econômica, combinada com a alta do dólar, que está fazendo diminuir o fluxo de passageiros brasileiros em rotas internacionais, continua causando consequências negativas na frequência das rotas entre Brasil e Estados Unidos.

AA

A bola da vez é a rota direta entre Recife e Miami, que até fevereiro tinha voos diários.

Segundo informação que recebi da American Airlines, a partir de uma dúvida do nosso estimado leitor Albino, essa rota passará a operar, em março, todos os dias exceto às segundas-feiras.

Já em abril, os voos diretos passarão a servir esta rota nas terças-feiras, quintas-feiras, sextas-feiras e aos domingos. Ou seja, dia sim, dia não.

A AA ainda lembrou que essa informação pode mudar a depender do volume de passageiros.

Conclusão

A notícia é ruim para quem mora no Nordeste e prefere fazer viagens por essa rota em face do voo ser uma ligação direta de uma capital do Nordeste para os Estados Unidos.

Agradeço ao Albino pelo envio da dúvida (agora esclarecida), e à American Airlines pelo envio da informação em primeira mão!

 

Tagged as: , ,

2 Comments

  1. Albino 05/03/2016 at 12:04 #

    Realmente é uma pena, mas acho que a American sempre deu um tiro no pé aqui no Nordeste.

    Esse 757 é uma porcaria, todo mundo que viaja nele, reclama. Quando há outra opção pelo mesmo preço ou até por um pouco mais, as pessoas preferem até ir pra SP ou RJ pegar outro avião lá do que esse sucAAtão.

    Porém, os comentários locais é que a coisa mais importante para a AA aqui não são os passageiros, mas sim a carga que o avião leva no porão. Já houve relatos até de que os passageiros da classe econômica foram impedidos de embarcar para que o avião levasse toda a carga. Nesse dia apenas os passageiros da executiva viajaram.

    Resta saber se acontecerá a mesma coisa com Salvador.

    • Guilherme 05/03/2016 at 12:08 #

      Caramba, Albino, realmente, fiquei impressionado com esse relato sobre a importância da carga ser maior que dos próprios passageiros.

      Pode ser que coisa semelhante – redução de frequência de voos – também ocorra em Salvador.

Leave a Reply

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×