O neg?cio n?o ? tanto achar passagens a?reas internacionais baratas. O neg?cio ? tentar achar hot?is estrangeiros baratos (e com um n?vel m?nimo de conforto)

Pipocam ofertas de vendas de passagens a?reas, sobretudo para os Estados Unidos, a valores promocionais, na faixa dos R$ 1.200,00 a R$ 1.600,00, com taxas inclu?das (n?o entendo o motivo de alguns sites esconderem o valor das taxas de embarque, mas tudo bem).

O problema n?o ? tanto achar passagens internacionais baratas. O problema ? encontrar hot?is baratos no exterior, com uma rela??o custo/benef?cio decente.

Com o d?lar a R$ 4, os pre?os dos hot?is no exterior acabam ficando absurdamente caros.

Vamos a um exemplo concreto.

Suponha que voc? tenha encontrado uma passagem barata para Miami, por, digamos, R$ 1.300,00, para ficar uma semana, entre 15 e 22 de maio de 2016. A?, vai pesquisar o hotel, e encontra, no TripAdvisor, as seguintes ofertas:

MIA

Observe que nem selecionei os Top 10, mas sim hot?is situados numa faixa de pontua??o intermedi?ria, entre 40 e 45, dentre 120 hot?is dispon?veis.

Veja que, na m?dia, o pre?o da passagem de ida e volta (R$ 1,3k) equivale mais ou menos a duas di?rias de hotel (R$ 1,2k) – e isso porque eu selecionei aleatoriamente um intervalo fora da alta temporada – na alta temporada, o valor sobe ainda mais.

T?, mas vamos supor que eu escolha o YVE, que apresenta di?ria m?dia de R$ 443. Parece um bom valor, n?o ? mesmo?

Mas, olhando a p?gina do Booking para finalizar a reserva, percebemos o que est? por tr?s dessa oferta:

MIA 2

Sim, o valor somente ? v?lido para pagamento antecipado n?o reembols?vel.

Se for para escolher uma tarefa do tipo mais “flex?vel”, o valor sobe mais de 30%, subindo f?cil acima dos R$ 4k.

O que eu testemunhei: um cara viajando na executiva, para ficar em pousada (!!!???) em Miami

Nada contra as pousadas, nem contra a forma de gastar dinheiro de qualquer pessoa.

Mas, tempos atr?s, quando eu estava na fila do checkin de um voo para Miami, vi um rapaz, que ia viajar na executiva, manuseando os comprovantes das reservas de hot?is.

Resolvi pesquisar o dito hotel, e descobri n?o s? que se tratava n?o de um hotel, mas sim de uma pousada, como tamb?m que tal pousada se encontrava entre as 10% piores pousadas de Miami, com nota baix?ssima no Booking.com, e ?cidas cr?ticas dos viajantes.

Agora eu pergunto: vale a pena economizar em passagem a?rea e tamb?m em hotel, para se estressar em hotel barato que n?o oferece um m?nimo de conforto?

Conclus?o

Como eu disse no t?tulo desse post, passagem a?rea representa hoje apenas um pequeno custo do valor efetivo total de uma viagem. Uma viagem para os EUA pode facilmente passar dos R$ 10 mil, se forem considerados os pesados gastos com hot?is, alimenta??o (refei??es principais e lanches), passeios, aluguel de carro, compras de souvenirs, ingressos para atra??es tur?sticas, seguro-viagem, IOF do cart?o de cr?dito, e mercados.

Por isso, pense bem antes de fechar a compra de qualquer passagem a?rea. O barato pode, no frigir dos ovos, sair bem caro.

Tagged as: