Enquanto isso, nos Estados Unidos, o preço da gasolina…

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

… continua diminuindo, meus amigos! 

Gasolina

Li ontem, no blog The Gate, que já é possível encontrar gasolina sendo vendida por menos de USD 1,20 por galão.

Convertendo para reais, cada galão já está sendo vendido, nesses postos que vendem por USD 1,20/galão, por R$ 4,80.

A questão é que cada galão comporta não apenas 1 litro, mas sim 3,78 litros. 

Dessa forma, cada litro de gasolina chega a custar, nos Estados Unidos, o valor de R$ 1,26 – e isso considerando o dólar a R$ 4.

Conclusão

Quando eu vejo pessoas querendo morar fora, como nos Estados Unidos, por exemplo, eu entendo os motivos. Não há como não ficar impressionado com casos como esse, de forte deflação de preços de um insumo tão básico como o combustível.

Tagged as:

5 Comments

  1. SwineOne 09/02/2016 at 23:43 #

    Isso é o que acontece quando burocratas se metem a querer ditar os preços dos produtos, no melhor estilo União Soviética. Claro que, por um tempo, pagamos “apenas” o mesmo preço que se pagava nos EUA, aproximadamente (o que é um excelente negócio tendo em vista os impostos cobrados aqui), mas isso praticamente destruiu a Petrobrás, como se sabe. Agora, dentro do ciclo natural das coisas, estamos recompondo o caixa da Petrobrás para sobrar bastante para ser desviado no Petrolão.

    • Guilherme 10/02/2016 at 12:45 #

      Pois é, Swine, o Brasil sempre na contramão da história….rs

      Abç!

  2. Cristiano Andrade 10/02/2016 at 07:13 #

    Guilherme
    O Brasil tomou uma direção em relação ao modelo de impostos majoritariamente baseados no consumo enquanto os países desenvolvidos taxam majoritariamente propriedade e renda. Além disso, desde os tempos de inflação a Petrobrás tem uma política de preços de ajustes semestrais ou anuais (o argumento é que isso eliminaria as flutuaçoes e captaria tendências), fazendo com que tenhamos (descontados impostos) gasolina mais cara em alguns momentos e mais barata em outros.
    Nos EUA o imposto de renda chega a 39.6% http://www.forbes.com/sites/kellyphillipserb/2015/10/21/irs-announces-2016-tax-rates-standard-deductions-exemption-amounts-and-more/#52242cdb792e), isso apenas o Federal, já que você soma a isso o Estadual que pode lhe garfar mais uns 10%. Enquanto isso os impostos sobre consumo não chegam a 10%, enquanto aqui estão sempre acima de 20%, e normalmente ultrapassam os 30%, chegando a casos acima de 60%.
    Os serviços nos EUA em geral são muito mais caros, devido ao custo da mão de obra. Ir ao dentista, contratar um advogado, pagar um contador pra fazer seu IR (lá é bem mais complexo), fazer uma reforma em casa… Tudo muito mais caro.
    Os alugueis também bem mais elevados. Compare SP e Rio com NY ou LA, e o aluguel nas cidades americanas fica fácil por volta de uns 3000 dólares pra um AP de 90m2, subindo bastante acima em distritos com boas escolas públicas, ou seja, você não paga a escola, mas paga a diferença no housing.
    Nem preciso falar do conforto de empregadas domésticas que é algo proibitivo por lá com o salário mínimo de 1200 dólares (e mais alto ainda em diversos estados, chegando a mais de 2000 dólares), e para imigrantes em geral não a opção de deixar os filhos com avós.
    Sem falar nos custos de seguro saúde, que mesmo com a cobertura dada pelas empresas, sempre há a coparticipação.
    Enfim, a renda por lá é bem mais elevada, mas o custo de vida também. Dependendo de sua cesta de consumo de bens e serviços, aqui pode ser muito mais barato ou muito mais caro.

    • Cristiano Andrade 10/02/2016 at 12:42 #

      Esqueci de fazer outro comentário sobra a gasolina, em estados como a California, há um imposto que regula o preço para não cair muito (uma espécie de CIDE). O objetivo é, propositalmente, desincentivar o uso de carros e incentivar o uso de carros elétricos (ou híbridos).
      Esse imposto é usado para financiar créditos tributários para quem comprar carros elétricos, pois além dos créditos federais, há também um crédito estadual. Dependendo do carro, você pode receber até 2.000 dólares em créditos na compra de um carro elétrico. Enquanto isso, o preço da gasolina na Califórnia não cai mesmo com o petróleo em seus níveis mais baixos dos últimos 40 anos. Detalhe, essa política foi implementada na gestão de um governador republicano (guess who: hasta la vista baby!).

      • Guilherme 10/02/2016 at 12:46 #

        Excelentes comentários, Cristiano!

        Não sabia sobre essa diferença na tributação sobre renda e consumo.

        Abraços!

Leave a Reply

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×