Black Friday Brasil 2015 no mundo das milhas, pontos e viagens: que decepção!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Pessoal, é impressão minha ou a Black Friday desse ano foi de fato ruim?

Black Fraude

Eu esperava promoções melhores no âmbito das viagens, milhas e pontos, mas elas não vieram, com exceções pontuais dos bônus de 50% do Smiles para transferências de cartões de crédito, e de 40% dos cartões BB para o Multiplus (e que não deixa de ser ruim por excluir todos os outros cartões de crédito). Amigo Avianca e Tudo Azul não fizeram nada que me chamasse a atenção (com exceção dos pontos em dobro nas compras em parceiros, para o Amigo Avianca).

Os descontos em hotéis e agências de viagem online são os mesmos de sempre. Nada de excepcional.

Os bônus em compras em estabelecimentos parceiros também não tinham nada digno de nota. Até o Ponto Frio resolveu “refugar”, e não ofereceu os 10 pontos por real, como estávamos especulando, mas se limitou aos 4 pontos por real.

Conclusão

Lamentável que essa Black Friday tenha sido tão fraca. Se o ritmo continuar assim, a de 2016 será ainda pior. Será tudo isso reflexo da crise?

Você conseguiu aproveitar alguma promoção que valeu a pena? Conte pra gente!

Tagged as:

14 Comments

  1. Andre 27/11/2015 at 10:52 #

    Olha, não posso reclamar ! Consegui emitir GRU/ROMA – ROMA/VCP em executiva com Alitalia, no Smiles por 125.000 pontos! Deu um pouco de trabalho, pois é uma promoção para clientes Club Smiles ou Diamante e sem promoção o custo era de 170.000 pontos, mas o site não deixava finalizar a compra quando clicava no valor promocional. Depois de 3 longas ligações ao call center e uma reclamação por e-mail, eu mesmo resolvi o problema! Primeiro clica-se no valor normal de pontos e deixa aparecer a tela de finalizar a compra. Depois, muda-se para o preço promocional, e mesmo aparecendo um valor de pontos maior aos 125.000, deve-se ir para finalização de compra, e lá sim, finalmente, vai aparecer 125.000 pontos !!! Feito, bilhete emitido para setembro/2016 !

    • Guilherme 27/11/2015 at 12:58 #

      Excelente estratégia, André!

      Com o Smiles, tem que ter essas manhas mesmo! rsrs

      Abç e boa viagem!

  2. Rodrigo Resende 27/11/2015 at 14:17 #

    A única promo que achei digna de nota foi a da Air Europa, que já estava com preços bons e, oferecendo o desconto adicional de 25%, está com preços excepcionais, em torno de R$1200 + taxas para vários destinos da Europa, saindo de GRU ou Salvador. Só é uma pena que seja uma companhia bem ruinzinha…

    Fora isso, a da Alitalia tá a metade do dobro, como diz a foto do saudoso Chapolin Colorado. Aliás, metade de mais do que o dobro. Simplesmente ridículo o comportamento de querer menosprezar a inteligência do consumidor.

    • Guilherme 27/11/2015 at 15:00 #

      Oi Rodrigo, verdade, sai ano, entra ano, e nada de ofertas atraentes.

      Abraços!

  3. andre 27/11/2015 at 15:34 #

    Sobre Alitalia, é verdade, eu acompanho quase diariamente o site Alitalia e vejo as promoções em econômica na faixa de R$2.000 e as vezes até menos ! Ha 10 dias comprei para um funcionário GRU/BLQ/GRU sendo ida em economy e volta em economy plus por exatos R$2.686,82. Ida amanhã e volta 05/12. Se fosse ida e volta em economy, teria custado menos de R$2.000 ! Sempre custo final com taxas e tudo.
    Hoje eu vi no site AZ os preços promocionais a não menos de R$4.500 !!!! Mesmo usando o código promocional, ainda fica mais caro do que ontem mesmo !!!! Que absurdo!

    • Guilherme 28/11/2015 at 18:42 #

      Realmente, um absurdo, André!

      Abraços!

  4. Albino 27/11/2015 at 16:06 #

    Até agora aproveitei duas coisas relativos à viagens:

    1) Emiti SSA-MAD-LIS-MAD-SSA por R$ 1.450,00 na Air Europa. OBS: Essa promoção só vale pra pagar à vista, pelo site. Se quiser parcelar, tem que ser pela central, e não tem o desconto de 25%.

    2) Refiz uma reserva na Hertz pra aluguel de carro em Miami em Janeiro. Tinha por $369,00 e agora ficou $223,00.

    Fora isso, a promo da Tam com milhas está muito boa (considerando o que normalmente está custando). A partir de 13.000 pontos por trecho pra Miami na econômica é mais barato do que Recife-Guarulhos agora em dezembro (estão cobrando 25.000 pontos, palhaçada). Em muitos alguns casos, vale a pena comprar pra Miami e descer no aeroporto de conexão no Brasil kkkk

    De resto, não vi nada de extraordinário.

    • Guilherme 28/11/2015 at 18:43 #

      Rsrsrsrsrs……verdade, Albino. Trechos de/para o Nordeste estão custando uma fortuna!

      Boas promoções as suas!

      Abraços!

  5. Carlos 27/11/2015 at 16:44 #

    A Black Friday pode ter sido fraca, mas pelo menos celebramos ontem nosso Thanksgiving. Segunda tem Cyber Monday, depois as promoções de Christmas. Não vi pacotes para New Year´s Eve nem achei passagens para Martin Luther King day, Memorial day ou Halloween.
    Eu sei que algumas coisas são sem volta, mas sales, off, sold out, delivery e demais importações são de amargar, assim como datas que nada tem a ver com nossa cultura.
    Totalmente fora do tópico (ou off topic), sorry ;-).

    • Guilherme 28/11/2015 at 18:44 #

      Concordo, Carlos!

  6. Curioso 27/11/2015 at 21:56 #

    Concordo, Guilherme!
    Pra mim só decepção! Não aproveitei nada….

    • Guilherme 28/11/2015 at 18:44 #

      Idem!

  7. Leonardo 28/11/2015 at 08:22 #

    Black Friday é difícil adaptação cultural para o comércio brasileiro. Não faz sentido as lojas baixarem verdadeiramente os preços em massa quando está a beira do período que mais se vende (dezembro, natal, 13o. salário, etc.). Esse período sempre foi conhecido na verdade por favorecer um aumento nos preços.
    Black Friday pra talvez ser verdadeira deveria ser depois do Natal.

    • Curioso 28/11/2015 at 10:12 #

      Leonardo,
      Você está olhando apenas com a visão do empresário e, na minha opinião, do empresário medíocre. Eu vou usar o exemplo da Black Friday Americana que é um dos períodos de maiores vendas dos EUA, tendo superado, inclusive, as vendas do Natal em alguns anos. Naquele país já se percebeu que as vendas do Black Friday não suprimem as intenções de compra do Natal, pelo contrário, a grande oferta do final de novembro antecipa o início das compras do período Natalino e estende por todo mês de dezembro. No Brasil não funciona porque os empresários simplesmente não admitem ter uma diminuição dos lucros, o que é um verdadeiro contrasenso em um ano de recessão. As vendas próximo das margens do custo, por uma questão óbvia, não permitem grandes ganhos, mas, por outro lado, aumentam o fluxo de caixa das empresas, proporcionam a rotatividade dos estoques, desovam produtos que estavam parados nas prateleiras, geram uma propaganda gratuita da marca/produto e, ainda, desencadeia o instinto do consumo que segue perpetuando até as festas de final ano. São situações comprovadas que fazem parte de diversos trabalhos de pesquisa em todo o mundo. MAS, no Brasil, o país dos contrasensos, perdem-se grandes oportunidades por uma mentalidade mesquinha, imediatista, ultrapassada e porque não dizer burra.

Leave a Reply

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×