Checkin online nos hotéis da rede Accor: não, obrigado.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

A rede Accor oferece a comodidade de o cliente realizar o checkin online, no mesmo dia da entrada no hotel.

Checkin online

Eu não recomendo essa prática, uma vez que ela impede o cliente de fazer várias coisas, dentre as quais ressalto duas da maior importância: pagar a hospedagem com vouchers, e negociar um upgrade de quarto.

Em relação à primeira desvantagem, foi exatamente o que ocorreu comigo certa vez. Queria pagar, na recepção, a diária, com um voucher que eu havia levado impresso (na época, ainda não era possível utilizar os pontos de forma online), mas, ao chegar no balcão de atendimento, eu já fui recebendo o cartão com a chave do quarto, e o comprovante de débito no meu cartão de crédito, utilizado para garantir a reserva.

A segunda desvantagem é aquela que decorre das tarefas realizadas de forma automática, sem intermediação humana: como o checkin é realizado previamente, é impossível negociar com o funcionário da recepção um upgrade de quarto, naqueles hotéis que o admitem, e no caso de clientes com status que permitam esse benefício.

Conclusão

A comodidade não vale o benefício do ganho de tempo, ao meu ver. Assim, procurem sempre realizar o checkin no ato da chegada ao hotel, ainda que isso implique gastar mais tempo.

Tagged as: ,

8 Comments

  1. tlars22 25/09/2015 at 22:06 #

    Ótima observação, guilherme.Concordo em gênero e grau. O que é smola demais o santo desconfia.
    Tô fora !!!

    • Guilherme 02/10/2015 at 13:06 #

      Obrigado, tiars, e é essa mesma a frase a ser seguida!

  2. SwineOne 26/09/2015 at 00:44 #

    Guilherme,

    Será que o ponto 1 não foi apenas um erro do funcionário que o atendeu? A primeira vez que tive a oportunidade de usar o serviço de checkin online, liguei no SAC da Accor e confirmei que o cartão era dado apenas por garantia e que não seria cobrado.

    Creio que o correto a fazer nessa situação seja, infelizmente, criar briga com o funcionário excessivamente proativo, exigir o estorno do cartão e o pagamento com vouchers. Caso o funcionário fique com má vontade de fazer isso, algumas ameaças de reclamações junto à Accor, Procon, justiça, redes sociais, etc. devem dar o empurrãozinho que ele precisa para fazer o que é certo.

    • Rodrigo Resende 26/09/2015 at 08:11 #

      Eu também sou muito crítico desta proatividade que só beneficia o hotel, nunca o cliente. Este ano me hospedei em alguns hotéis da rede Accor na Alemanha, pretendendo pagar tudo em dinheiro para fugir do IOF e risco cambial. Eis que, num deles, cheguei às 18h10, ou seja, apenas 10 minutos depois do horário limite para cancelamento sem custos e o atendente já havia cobrado o valor integral no cartão informado para garantia da reserva. Fez isso às 18:01, conforme constava no comprovante.

      Sei que eles estavam agindo dentro das normas contratuais, mas me pergunto se teriam a mesma proatividade e rapidez se estivessem para resolver um problema do cliente.

      Acho que, no caso do Guilherme, daria uma boa briga sim, pois naquele caso eles não estavam agindo dentro da legalidade. E se ele preferisse pagar em cash, por exemplo, ou em cartão de débito?

      • SwineOne 26/09/2015 at 10:06 #

        Aliás, pelo menos nos Íbis aqui do Brasil (não lembro se vi em outros lugares ou outros hotéis da rede) existem cartazes pelo hotel inteiro dizendo que eles resolvem qualquer problema que você tiver com o hotel em 15 minutos ou a sua estadia é de graça. Se nada nas letrinhas miúdas excluir esse caso, eu já faria uso dessa prerrogativa. Pode parecer coisa de brasileiro fazendo uso da lei de Gérson, mas me desculpe, esses vouchers tem validade de 6 meses, e se eu não tiver outra viagem programada, o meu dinheiro vai pro lixo. Eu não teria pudor de documentar o que aconteceu (no mínimo mandar um email para o hotel naquele momento e marcar a data e hora que isso aconteceu, e entrar em contato com a central do Le Club e registrar o protocolo) para depois cobrar isso na justiça. Mas creio que a mera ameaça de fazer isso já seria o suficiente para o atendente correr atrás de resolver o problema.

        • Guilherme 02/10/2015 at 13:08 #

          Olá Swine e Rodrigo, obrigado pelas dicas. No meu caso, o checkin foi realizado quase perto da meia-noite, deve ter sido por isso que foi cobrado o valor da diária no cartão de crédito…

          Mas as dicas são excelentes, e pretendo me valer delas nas próximas hospedagens!

          Abraços!

  3. Andre 26/09/2015 at 10:55 #

    Bom dia, o mesmo ocorre com check in automatico, de certa forma, imposto pela Localiza! Eu prefiro esperar para ser atendido no balcao, conversar com atendente e obter upgrade, pois minha empresa tem 5 veiculos em contrato mensal com a Localiza e sempre consigo upgrade ou no minimo, a escolha de carros com baixa kilometragem, se nao (em alguns casos) pegar um zero KM.

    • Guilherme 02/10/2015 at 13:08 #

      Olá André, ótima dica!

Leave a Reply

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×