Péssima notícia: Smiles elimina, em caráter definitivo e oficial, a tabela de resgates! :-(

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Não há nada ruim que não possa piorar, não é mesmo?

Pois bem, o Smiles resolveu oficializar uma coisa que já vinha praticando há tempos: extinção, de modo definitivo, da tabela de resgates. Ela, que já não existe na prática, deixará de existir também no papel, com o novo Regulamento, previsto para entrar em vigor em 20 de novembro, e que você pode acessar aqui.

Reparem no item 12.1.2:

12.1.2. O Participante declara que tem conhecimento de que a Smiles não pratica preços pré-determinados para os Bilhetes Aéreos ou outros Prêmios. Os preços praticados serão aqueles disponíveis e informados no site www.smiles.com.br, mediante consulta prévia, e consideram, entre outros fatores, a disponibilidade do Prêmio pela Parceira Aérea, Comercial e/ou Parceiro Financeiro; as condições de oferta; demanda; disponibilidade de assentos no mercado à vista e de milhas; o preço vigente dos assentos no mercado à vista e de milhas; a antecedência  da compra; períodos de alta demanda, tais como feriados e datas comemorativas; bem como o custo de aquisição do Prêmio e as condições e índices macroeconômicos.

Tem mais: a partir de novembro, não será possível alterar bilhetes-prêmio, apenas cancelar (vide itens 13.5 e 13.6 do Regulamento).

Ou seja: se você marcou um voo utilizando milhas, e pretende alterar a data da viagem, terá que cancelar o bilhete-prêmio, pagando as taxas devidas, e, em seguida, emitir outro bilhete, desde que, obviamente, haja disponibilidade na data desejada.

Conclusão

Afinal, irá sobrar algum programa nacional de milhagens que a gente possa chamar de “menos ruim”?

Eu considerava o Smiles o “menos ruim” dentre os programas nacionais de fidelidade, mas, com essa mudança, eles pioraram de vez. De que adianta você se planejar para acumular, digamos, 20.000 milhas para emitir uma ida e volta nacional, se, no momento da compra, o Smiles resolver, por conta “das condições de oferta e demanda” (trecho do item 12.1.2 do Regulamento), praticar 80.000 milhas?

O Smiles deixou de ser um programa baseado em relacionamento valorizando os passageiros frequentes para ser um programa baseado em comercialização de milhas aéreas, valorizando os clientes que se dispõem a pagar mais dinheiro para obter milhas.

Depois dessa, eu duvido que o Tudo Azul adote uma tabela oficial de resgates, coisa que poderia torná-lo o “menos pior” dentre os programas nacionais de milhagens. O Multiplus (in)Fidelidade já abandonei há tempos, pela quantidade absurda que cobra em vários trechos nacionais, e pela qualidade média muito ruim dos serviços praticados.

Sobrou o Amigo Avianca, que ainda apresenta certa coerência na quantidade de pontos que cobra para emissão de prêmios (mas não se sabe até quando).

Eu estava propenso a, até o final do ano, aproveitar uma promoção de bônus de transferência de pontos de cartões de crédito para enviar para o Smiles, mas, diante dessa notícia, reverei minha posição.

E vocês, o que acharam?

Tagged as: ,

31 Comments

  1. Rafael 23/08/2015 at 10:15 #

    Também era fã do Smiles mas não vejo a mudança como o fim do mundo não, tenho pesquisado passagens para a Ásia e, apesar de não ter as 200k milhas que preciso, descobri que posso comprá-las em algumas promoções, por menos de R$ 0,03/milha, saindo o voo internacional para Ásia (100k) por 2800R$ ida e volta sem as taxas. Difícil conseguir pagar isso, saindo do Rio, mesmo em promoções malucas..

    • Guilherme 23/08/2015 at 17:44 #

      Concordo, Rafael, para algumas emissões específicas, ainda é possível garimpar oportunidades no Smiles.

  2. Andre Parisi 23/08/2015 at 10:27 #

    Abri conta no Citi e obtive o Visa AAdvantage, pois e a unica forma de acumular milhas em um programa realmente confiavel. Tudo que tenho no Smiles, mais de 280k vou ter que usar o mais rapido possivel e concentrar tudo no AAvantage, pois como disseram, Smiles quer mesmo e vender milhas.

    • Guilherme 23/08/2015 at 17:45 #

      Sim, André, chega até a ser desanimador enviar os pontos de cartões de crédito para o Smiles, com tanta promoção de comércio de milhas operada pelo próprio programa de fidelidade.

  3. Lênio 23/08/2015 at 11:21 #

    Acho que as aéreas fizeram um excelente negócio em benefício próprio (diga-se, prejuízo para o consumidor) quando separaram as ações das companhias aéreas das ações dos programas de fidelidade, que dizem, não sei se procede, às vezes chegam a valer mais do que as companhias (resumindo, o acessório valendo mais que o principal). Acredito que ao fazer isso, especulam, da seguinte forma: Eu te vendo um carro de luxo, por um valor até mesmo superdimensionado e quando você tiver somente a sucata desse carro, eu compro de volta. Conseguiram se capitalizar num momento desfavorável da economia.

    • Luiz 23/08/2015 at 12:08 #

      Eu ainda não consigo entender a lógica de lucrar com venda de milhas. Quem usa milhas o faz em busca de uma economia em dinheiro. Talvez muitas pessoas gastam as milhas que ganham em maus negócios (ex.: comprando um Big Mac), mas duvido muito que alguém COMPRE milhas para fazer maus negócios.

      • Guilherme 23/08/2015 at 17:47 #

        Luiz, tem que usar bastante matemática para realmente saber se vale a pena comprar as milhas, que geralmente são vendidas pela cia. aérea a preços inflados.

    • Guilherme 23/08/2015 at 17:46 #

      Lênio, é verdade, o Smiles tem maior valor de mercado que a Gol, assim como a Multiplus em relação à TAM.

  4. Rafael 23/08/2015 at 19:11 #

    O Smiles já está ruim faz muito tempo. Agora só estão oficializando o que já faziam na prática.

    A única pequena vantagem desse programa medíocre em relação aos demais do país é o ‘stopover’. Meu medo é que isso tb acabe com essas mudanças.

    De qq modo, não mando mais milhas pra lá, a não ser aquelas que não dá pra mandar pra outro lugar (tipo as que virão de graça com o cartão de crédito do smiles, que nem será utilizado, as do premmia e algumas compras on-line, como na americanas.com qd o preço está menor, é claro)

    • Guilherme 23/08/2015 at 19:25 #

      Oi Rafael, concordo contigo.

      O novo regulamento também não fala nada a respeito do stopover. Eu acho que ele também deverá cair.

  5. Carlos 23/08/2015 at 21:13 #

    É uma tendência mais ou menos mundial do programas atrelados a companhias aéreas deixarem de ser programa de fidelidade para virarem empresas de comercialização de milhas. O Smiles provavelmente vai deixar de ser interessante, mas cada empresa deve saber o que é melhor para os acionistas. Minha única crítica na verdade vai para alguns bancos brasileiros que oferecem pouquíssimas opções de transferência de pontos para seus clientes, deixando-os reféns dos péssimos programas nacionais. Como tenho o TPC, há tempos não envio pontos para empresas brasileiras, mas se eu estivesse apenas com meus cartões do BB, aí sim ficaria bastante irritado.

  6. Albino 19/11/2015 at 14:33 #

    Amanhã é o grande dia ? Confirmado mesmo ou ainda é previsto ?

    • Guilherme 19/11/2015 at 14:45 #

      Confirmadíssimo, Albino.

      Vamos ver as “pauladas” que vêm por aí….

      Qualquer novidade obscura do Smiles, publicarei aqui no blog.

      Abraços!

      • Albino 19/11/2015 at 17:13 #

        Vou resgatar tudo que puder hoje

        • Guilherme 19/11/2015 at 17:37 #

          Eu também.

          Esse programa perdeu definitivamente sua credibilidade, com tantas trapalhadas.

          • Albino 19/11/2015 at 23:04 #

            Resgatei 4 passagens hoje. Duas pela Qatar por 12,5k cada e duas pela Etihad por 25k cada. Que venham as mudanças.

  7. Albino 19/11/2015 at 23:12 #

    Novo regulamento vale a partir de 22/11:

    https://www.smiles.com.br/regulamento-do-programa-smiles

  8. Guilherme 20/11/2015 at 09:26 #

    Acabei de ver que eles refugaram e adiaram o início da mudança pra dia 22/11. Confira: https://www.smiles.com.br/regulamento-do-programa-smiles-novo

    Sei lá se isso vai mudar alguma coisa….

  9. Guilherme 20/11/2015 at 09:26 #

    Excelentes resgates, Albino!

    • Albino 20/11/2015 at 12:02 #

      Obrigado. Na verdade eu ia fazer a transferência de 40.000 pontos pra ganhar 200% de bônus e assim emitir em executiva na Etihad. Mas vi que eles creditam as milhas bônus em “até 72 horas”. Fiquei com medo de só creditarem depois do novo regulamento e terminar sem conseguir emitir mais.

      • Guilherme 20/11/2015 at 12:05 #

        Tem razão, Albino.

        Do Smiles, pode-se esperar tudo, e principalmente o aumento dos valores de resgate agora que terão “carta branca” com o novo regulamento.

        Como diz o ditado, é melhor “um passarinho na mão do que dois voando”…..rsrsr

        • Albino 21/11/2015 at 18:12 #

          Se esse passarinho for voando pelo Smiles, pior ainda 😂

          • Guilherme 21/11/2015 at 19:10 #

            Rsrsrsrsrsrsrsrs……. certeza 😆

    • Albino 24/11/2015 at 03:43 #

      Acho que agora que as passagens (por enquanto) estão o mesmo custo, vou fazer um “upgrade” pra executiva na Etihad. Com a promoção lançada hoje, compro 35.000 milhas por R$ 709,90 e junto com 5.000 que tenho na conta e mudo meu bilhete pra business.

      Guilherme, sabe se eles alteram ? Ou tenho que cancelar e emitir novamente ? Considerando que estou gastando mais, eles deveriam facilitar, né ?

      • Guilherme 24/11/2015 at 08:39 #

        Albino, em relação às passagens-prêmio, tem que cancelar e emitir novamente. Confira:

        13.5. RESSALVADO O EXERCÍCIO DO DIREITO DE ARREPENDIMENTO PREVISTO NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR, O BILHETE AÉREO, UMA VEZ EMITIDO, NÃO PODERÁ SER ALTERADO EM NENHUM ASPECTO NEM PELA SMILES, NEM PELAS COMPANHIAS AÉREAS, PORTANTO, NO MOMENTO DA EMISSÃO, O PARTICIPANTE DEVERÁ OBSERVAR ATENTAMENTE TODOS OS CRITÉRIOS E DADOS PARA A CORRETA EMISSÃO DO BILHETE AÉREO, TAIS COMO INFORMAÇÕES PESSOAIS, NOME, CPF, DENTRE OUTRAS.

        => Fonte: https://www.smiles.com.br/regulamento-do-programa-smiles

        • Albino 24/11/2015 at 10:14 #

          Obrigado. A grande questão é se eles mantêm mesmo o direito de arrependimento, que é de 7 dias. Normalmente essas companhias só cancelam sem custo no mesmo dia. Vou tentar lá e posto o resultado aqui.

          • Albino 24/11/2015 at 11:39 #

            Informaram que passagens aéreas não estão amparadas pelo direito de arrependimento do CDC. Já esperava isso.

            Postei reclamação no ReclameAqui. Vi várias reclamações lá que foram resolvidas pelo Smiles, seja com o estorno total das taxas, ou então dando em forma de crédito para compras futuras. Acho que vai resolver.

          • Albino 24/11/2015 at 15:03 #

            Cancelaram sem custo através do ReclameAqui ! Temos que colocar a boca no trombone mesmo, senão eles se aproveitam.

  10. Guilherme 25/11/2015 at 15:26 #

    Olá Albino, que bom que deu certo o cancelamento!

    Realmente, o Smiles é muito chato na hora de ter que cumprir seus deveres.

    Em relação ao direito de arrependimento, a informação deles está equivocada – como de fato admitiram isso ao estornarem os valores.

    Isso porque eu exerci o direito de arrependimento em relação a passagens aéreas compradas na American Airlines, há alguns anos. Fiz o pedido dentro dos 7 dias, e a empresa honrou as leis brasileiras, devolvendo integralmente o valor.

    Essa é uma das coisas que ainda me mantém fiel à American: o cumprimento dos seus deveres.

    Abraços

Trackbacks/Pingbacks

  1. Smiles encerra promoção dos 365 dias para sorrir com bônus de 30% e 35% de transferências de cartões de crédito | Meu Milhão de Milhas - 31/08/2015

    […] problema é que o Smiles não tem tabela de resgates, praticada já há algum tempo e oficializada com a publicação do novo regulamento, o que torna difícil saber exatamente quantas milhas você precisará para resgatar em sua […]

  2. Smiles adia início do novo Regulamento (muito ruim, por sinal) para dia 22.11.2016: será que vem chumbo grosso por aí? | Meu Milhão de Milhas - 20/11/2015

    […] uma análise completa das novas e negativas mudanças nesse post. A principal delas é a eliminação da tabela de resgates, coisa que, na prática, já […]

Leave a Reply

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×