Até que enfim! Gol anuncia Internet WiFi e entretenimento de bordo a partir de 2016! Mas vamos ver os preços e a qualidade da conexão…

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Em novembro de 2014, escrevi um artigo intitulado Uma sugestão para Gol, Azul, Avianca e TAM: oferecer WiFi em voos domésticos, sugerindo que implementassem o sistema de conexão à Internet via WiFi a bordo. Naquele texto, escrevi o seguinte:

Embora esse blog seja focado primordialmente no mundo das milhas e pontos, ele não deixa de ser um blog dedicado ao mundo da aviação comercial para nós, pessoas físicas, que viajamos pelo Brasil e pelo mundo, seja a trabalho, seja a lazer.

Por isso, vou aproveitar o crescimento consistente da audiência que o MMdM vem conquistando, particularmente nos últimos 3 meses, para fazer uma sugestão às quatro empresas que dominam a aviação comercial doméstica: oferecer WiFi aos seus passageiros durante os voos domésticos.

Oferecer WiFi permitirá aos seus passageiros mais opções de trabalho e mais opções de lazer. O tempo voa, literalmente, quando temos a oportunidade de adiantar um projeto online, ou simplesmente ler as últimas notícias de seu blog favorito.

Recentemente, fiz uma viagem internacional diurna a bordo da American Airlines, com mais de 10 horas de duração, e aproveitei para comprar o passe de WiFi para o voo inteiro (USD 19). Só digo uma coisa: valeu cada centavo.

Atualizei os blogs, fiz compras, baixei as últimas notícias, enfim, era como se o voo fosse uma extensão das atividades em terra. Uma beleza, 100% aprovado! (exceto, claro, pela velocidade lenta de conexão, mas que não chegou a incomodar, haja vista que o uso era primordialmente para tarefas que não envolviam áudio e vídeo).

Tenho certeza que demanda existe, e infra-estrutura para instalação de antenas em aviões, provavelmente também. E o que falta, então? Iniciativa e boa vontade das empresas aéreas. #FicaADica

Felizmente, a Gol saiu na frente e anunciou, hoje, que começará a oferecer Internet Wifi a partir de 2016, junto com entretenimento de bordo. 😀

WiFi

De acordo com notícia publicada na Folha de S. Paulo:

O início ocorrerá até o primeiro semestre de 2016. Toda a frota, 140 aeronaves, estará adaptada até 2018, segundo a empresa.

O preço ainda não está definido, mas custará entre US$ 10 e US$ 20 (algo entre R$ 31 e R$ 62). Viajantes frequente como clientes Smiles Ouro e Diamante terão desconto –a eles sairá por algo entre US$ 3 (R$ 9) e US$ 5 (R$ 15), segundo o presidente da Gol, Paulo Kakinoff. Haverá planos para acessos de meia hora, para a duração de todo o voo e para o dia inteiro. O produto, afirmou o presidente, ajudará a trazer receitas adicionais à empresa.

Trata-se da primeira companhia aérea na América Latina a ter o serviço, comum em empresas dos Estados Unidos –a American, por exemplo, têm wi-fi nos voos para o Brasil. A conexão se dará via satélite; há uma antena dentro do avião para tal.

Embora a notícia seja boa, duas coisas me preocupam: velocidade de conexão e, obviamente, preço.

Quanto à velocidade de conexão, espera-se que, no mínimo, os clientes possam fazer tarefas rotineiras como atualização de notícias, leitura de emails e uso de apps relacionados ao trabalho, e que não envolvam uso pesado de áudio e vídeo.

E, quanto ao preço, espera-se que, além da cobrança não ser em valores abusivos, que ela seja feita em reais, e não em dólares, apesar de a empresa fornecedora do serviço ser a norte-americana GoGo.

Conclusão

Parabéns à Gol por ter se adiantado em relação aos seus concorrentes, e anunciado o serviço de Internet WiFi em seus voos domésticos.

Espera-se, contudo, que essa promessa não fique apenas no papel, e que quem quiser ter acesso à Internet durante o voo possa se conectar com velocidades razoáveis, e a preços igualmente razoáveis.

E você, gostou da notícia?

Tagged as: ,
No comments yet.

Leave a Reply

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×